A importância do estudo da gestão e operação na movimentação e armazenagem de materiais.

A importância do estudo da gestão e operação na movimentação e armazenagem de materiais.

    A logística passou por um processo impressionante de evolução nas últimas décadas. Conhecimento e avanços marcam a trajetória deste setor estratégico para uma nação, estado ou organização. Os estudos e conhecimentos sobre armazenagem e movimentação de produtos e materiais estão presentes desde os primeiros vestígios do início da civilização. Essas duas atividades eram usadas como métodos de sobrevivência, como estratégias de guerras e conquista de novos territórios.

    No atual contexto industrial, tornou-se estratégico armazenar e movimentar materiais. A gestão dessas atividades pode contribuir com a redução de custo e aumento da agilidade nos processos logísticos. A operacionalização dessas atividades é feita com diferentes recursos, equipamentos, procedimentos, tecnologia e gestão, capazes de proporcionar o aumento da eficiência e eficácia das organizações A movimentação de materiais, por sua vez, deve ser planejada e executada com um alto nível de organização e eficiência, de forma a manter 100% de confiabilidade na segurança dos materiais e na pontualidade do prazo de entrega.

    Os equipamentos robotizados se tornaram um recurso altamente valioso para obter sucesso nos processos logísticos, pois estes possuem o papel de aumentar a produtividade, diminuir as perdas e dar segurança ao processo. Contudo, a adoção desses equipamentos requer altos investimentos, conhecimentos e padronizações como por exemplo das dimensões dos paletes, cargas e prateleiras.

    Para exemplificar a importância dessas atividades dentro da cadeia de suprimentos, uma mínima ruptura nessa rotina de movimentar e armazenar materiais, como a recente greve dos caminhoneiros, traz consequências inimagináveis para todos os segmentos da economia. Uma semana de materiais parados nas estradas provocou um verdadeiro colapso no abastecimento dos mais diferentes setores: farmacêutico, alimentício, construção civil, portos e aeroportos, transportes urbanos e combustíveis. A ineficiência ou mesmo falta da movimentação de produtos e materiais torna-se uma ameaça para as organizações.

    Por fim, considero ser interessante pensar e analisar os investimentos necessários para otimizar, ganhar qualidade, obter redução de custos e maximizar os lucros do processo de armazenagem e movimentação de produtos.

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: armazenagem materiais Movimentação