Desafios da administração de empresas

São sempre desafiadores o dia a dia do administrador, uma forma de superar isso, é a forma que encaramos...

Desafio, ato de desafiar, afronta, desacato, desrespeito... Bloqueio que se deve superar... Os dicionários de nossa língua descrevem a palavra desafio desta forma. Quando iniciei as atividades de administrador em abril de 2001, não tinha ainda noção de quais os principais desafios para as micro e pequenas empresas, meu foco até os dias atuais em função da sua grandeza e representatividade em nosso país. Posso afirmar que, um dos maiores desafios para a nossa área na época era fazer com que as pessoas entendessem o valor na informação para o dia a dia das empresas, o que acredito não ter mudado muito nos dias atuais, infelizmente. Enumero então o que, na minha opinião, seriam os cinco maiores desafios da administração nos tempos atuais:

1 – Mudanças fiscais: a velocidade para adaptação e os investimentos pertinentes, bem como, a migração de parte da contabilidade para dentro das micro e pequenas empresas, são um desafio constante. As exigências cada vez mais complexas exigirão um profissional cada vez mais capacitado e com uma visão holística apurada, a sonegação nunca foi e nem nunca será um esquema para gestão financeira, além de se configurar como crime. Administradores, Contadores e outros profissionais pertinentes devem entender as mudanças e saber adaptar os custos inerentes sem perder a competitividade, bem como, estar atento às leis ou ainda, ligar-se a profissionais que possam dar o devido suporte como é o caso dos contadores capacitados.

2 – As novas tecnologias: cada vez mais estamos dependendo de tecnologias para a gestão de nossos negócios, onde noções de TI (Tecnologia da Informação) se tornaram imprescindíveis para as empresas, pois como sempre digo, infeliz daquele que depende de terceiros para gestão das suas rotinas. Ninguém prioriza você a não ser você. Noções de internet para emissão de Notas Fiscais, funcionamento de hardwares como o Certificado Digital e seus requisitos para instalação e segurança, vendas através de SAT fiscal, entre outros já fazem parte do dia a dia das empresas e requer conhecimento para a continuidade da sua utilização. Adeus ao antigo tempo da frase “Ah, eu não gosto de computador...”. Como desfecho deixo uma curiosa dica, saiba mais sobre o Raspberry Pi!!!!

3 – Adaptação ao mercado competitivo: participando da inauguração da ABPSERV – Associação dos Prestadores de Serviço de Ribeirão Preto, aprendi que o “futuro é grátis”. Isso mesmo. As pessoas cada vez mais estão querendo “degustar” o seu produto ou serviço para depois, aí sim, adquirir. Para que um aplicativo seja vendido hoje por exemplo, primeiro instalo no meu celular e só depois adquiro as funções mais completas, mas entendi como funciona, ou melhor ainda, me adaptei ao uso e agora vou adquirir a versão completa. Verifique na Play Store do seu Android na categoria “mais rentáveis” dos aplicativos, os primeiros e principais são “GRATUITOS”.

4 – Mudanças no comportamento do consumidor: Consumidores também mais informados e exigentes fazem parte do dia a dia das micro e pequenas empresas, e estão dispostos a pagar cada vez menos pelas coisas. Um exemplo disso é a Netflix, que começa a preocupar até a TV aberta, imaginem as pagas... Hoje você tem um sem fim de conteúdo por iniciais R$ 19,90 até R$ 29,90 por mês em HD com até 04 dispositivos simultâneos, isso mesmo, seja ele tablete, smartphone, TV ou computador ela está lá e pasmem, com 10 funcionários para atender TODA a América Latina. A TV paga começa com planos salgados de mais de R$ 100,00... E lembra do grátis? Está lá na Netflix no primeiro mês.

5 – Concorrência: Por fim, mas não menos importante, nossos concorrentes. Na ABPSERVE aprendi também que concorrente é quem corre junto, porém, não deixa de ser o seu “adversário”. Observar o concorrente é uma das primeiras estratégias da administração, porém, com a enorme diversificação de produtos e serviços que nossos avós nem sonhavam que poderiam existir estão aí e o concorrente pode vir de qualquer direção, isso mesmo, qualquer direção. Há algum tempo atrás onde a economia estava um pouco melhor, promoções de carros e motos choviam todos os dias em nossos ouvidos e nos tentavam: entrada para 2040, 80 parcelas para pagar, entre outras, porém, descapitalizou uma boa parcela da população e com isso, essas pessoas, deixaram de utilizar ou adquirir produtos e serviços, a concorrência está no dinheiro, quem chega primeiro, fica.

Pense e repense suas estratégias, muito sucesso e felicidades a todos!

Avalie este artigo:
(1)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração