A importância de ser um funcionário empreendedor

Você não precisa iniciar um negócio para empreender. Você precisa entender o processo ao qual você é submetido, buscar melhorias constantes para a operação, propor e realizar. Empreender é mostrar resultado

iStock

Nunca na história se falou tanto em empreendedorismo. Muitos empreendedores nem sabiam que eram empreendedores, pois é um termo relativamente recente. 

O empreendedorismo tem como base a ideia de que é um processo de iniciar um negócio inovador do zero. Acreditamos por diversas vezes que empreendedor é o empresário que toca o negócio. Mas nem sempre é assim.

Empreender é, por definição, a atitude de quem, por iniciativa própria, realiza ações ou idealiza novos métodos com o objetivo de desenvolver ou dinamizar serviços, produtos ou quaisquer atividades de organização e administração. Ou seja, empreender é sonhar, agir e realizar.

Você não precisa iniciar um negócio para empreender. Você precisa entender o processo ao qual você é submetido, buscar melhorias constantes para a operação, propor e realizar. Empreender é mostrar resultado. Todo ser humano precisa entender que o empreendedor não é necessáriamente a pessoa que vai iniciar um negócio, mas sim quem tem o espirito empreendedor.

Empreender é ser incomodado, é acreditar que é possível mudar para melhor, estudar um jeito de, de fato, melhorar e, por fim, realizar.

O funcionário empreendedor é aquele funcionário que se destaca dentro de uma empresa, por vários motivos, dentre eles: ele estuda e entende o processo mais que os outros, ele busca inovar o processo sempre que encontra soluções mais simples, trabalha como se fosse dono do negócio, reconhece e admite os seus erros sempre que os comete, mas mesmo assim, ele não deixa de correr riscos e se dedicar para a melhoria e desenvolvimento da companhia e, consequentemente, de sua carreira.

É importante que todos estejam cientes que ser um funcionário que faz apenas o que lhe é proposto, que aceita os processos sem buscar entender, nem melhorar nada, não vai levar ninguém ao topo, exceto que a empresa mantenha uma politica de promover pessoas por tempo de casa, que provavelmente nunca acontecerá, pois isso seria prática de uma empresa miserável e sem futuro.

Funcionário só tem futuro dentro de uma companhia se empreender.

É necessário estudar, se dedicar, analisar as operações do negócio, detectar problemas e sugerir soluções que sejam simples e contribuam para o desenvolvimento do negócio. Você não precisa criar um negócio para se realizar profissionalmente e ser uma referência no mundo dos negócios. É necessário apenas que você estimule o espirito empreendedor que existe dentro de você.

Avalie este artigo:
(1)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: carreira empreendedorismo negocios profissionais

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração