Cadê o lucro? Aplique o Modelo de Gestão de Resultados através do Balanced ScoreCard - Canvas

Você quer maximizar a lucratividade e a rentabilidade da sua gestão empresarial? Atuar como Balanced ScoreCard - CANVAS Manager facilita esta tarefa

Você quer maximizar a lucratividade e a rentabilidade da sua gestão empresarial? Atuar como Balanced ScoreCard - Manager facilita esta tarefa.

O BSC Manager traduz a estratégia em resultados, através do estabelecimento de metas, indicadores de desempenho e ações, levando a um processo de monitoramento contínuo, analisando, concluindo e agindo junto com sua equipe.

Para otimizar a lucratividade e rentabilidade da sua gestão empresarial, aplicar o Modelo de Gestão de Resultado através do BSC - Canvas é a solução.

O objetivo desta matéria é mostrar como aplicar o BSC como uma ferramenta lógica e amigável (“paixão gerencial”).

Quando construir o seu Modelo?

O momento certo ocorre no instante em que você decidir monitorar o desempenho de forma profissional – com apoio de soluções da TIC.

Qual é o ganho de um Modelo?

Os ganhos são:

- Saber buscar resultados superiores, ou seja, melhores e/ou diferentes da concorrência.

- Saber envolver todos, em termos de “o que fazer”, “por que fazer” e “como fazer” no seu dia-a-dia.

- Saber metrificar e avaliar a transformação da estratégia em ações e resultados.

- Saber analisar desvios negativos e discutir ações corretivas com a equipe.

Como facilitar o entendimento do Modelo?

1 - Para melhor visualização das possíveis soluções, sugiro usar a metodologia avançada do CANVAS: uma ferramenta desenvolvida para organizar – numa linguagem comum, em uma única folha(!), ideias sobre como buscar resultados de impacto, através do preenchimento de um quadro com itens, utilizando post-its - uma aplicação estruturada, instigante e envolvente para construir, alterar ou avaliar um Modelo de Gestão de Resultados através do BSC.

2 - Para melhor aproveitamento de soluções sugiro aplicar a abordagem avançada do DESIGN THINKING (“pensar graficamente”), o qual facilita pensar e atuar “fora da nossa caixa” - de forma colaborativa - para gerar ideias (criatividade) e implantar ideias (inovação), a partir das necessidades reais dos stakeholders.

Enfim, a aplicação do CANVAS e do DESIGN THINKING representa um jeito inspirador, prático e lúdico – portanto inovador – para modular sua gestão de resultados.

Além disso, ambas as abordagens, o CANVAS e o DESIGN THINKING, podem ser utilizadas em qualquer empreendimento, em qualquer segmento, de qualquer porte, em que você queira fazer carreira.

Qual é o alicerce do Modelo?

O Modelo está alicerçado em um conjunto de conceitos usados nacional e internacionalmente, os quais levam a práticas de sucesso, tanto em organizações líderes de Classe Mundial, como em médias e pequenas empresas nacionais.

Qual é o desenho do seu Modelo?

Da mesma forma que um arquiteto desenha uma planta antes de construir uma casa, um gestor deve desenhar um Modelo de Gestão antes de iniciar o monitoramento.

Sugiro um processo de (apenas) 6 passos para alinhar os elementos da internacionalização de marketing e vendas, a saber: Objetivo – Estratégia – Prioridades – Pessoas – Organização – Monitoramento; surgem aqui as seis “vigas” do Modelo.

Como entender as “vigas” do seu Modelo?

Recomendo trabalhar com definições que provaram ser “inteligentes” para “n” situações.

>Objetivo - Gerar (superar) os resultados esperados através do BSC

>Estratégia - Profissionalizar a Gestão de Resultado

>Prioridades - Montar uma Agenda de Prioridades - de impacto

>Pessoas - Trabalhar com BSC Managers

>Organização – Implantar o BSC através de soluções de TIC

>Monitoramento - Proceder à avaliação “semáforo” de resultados

Quais são os elementos de cada viga do seu Modelo?

Cada viga é composta de elementos que facilitam o sucesso da sua gestão de resultado.

>Objetivo: Gerar (superar) os resultados esperados através do BSC

- O que queremos
Exemplo:Transformar a Estratégia em Ação e Resultado

- Onde queremos chegar
Exemplo: Lucro maximizado e sustentável

>Estratégia: Profissionalizar a Gestão de Resultados

- Lendo o Cenário: O que se espera de uma Gestão moderna de Resultados?
Exemplo: Monitoramento alinhado com a estratégia

- Formulando uma Proposta de Valor - em poucas palavras
Exemplo: Metrificar e avaliar a transformação da estratégia em ações e resultados

- Fazendo uma Análise SWOT
1 - O que facilita? (Oportunidades/Pontos Fortes)
Exemplos: Novas Tecnologias/Capacidade Inovadora
2 - O que restringe? (Ameaças/Pontos Fracos)
Exemplos: Novos Requisitos/Capacidade Gerencial

>Prioridades - Montar uma Agenda de Prioridades - de impacto
(que seja mais “to do list” e menos “wish list”)

- Aplicando a ferramenta 5W2H para transformar estratégia em ação e resultado
– O que será feito         (What)
– Por que será feito      (Why)
– Onde será feito          (Where)
– Quando será feito      (When)
– Por quem será feito    (Who)
– Como será feito          (How)
– Quanto custará fazer  (How much)

>Pessoas - Trabalhar com BSC Managers

- Papel do BSC Manager
Exemplo: Envolver os colaboradores na identificação do caminho crítico

- Competência do BSC Manager
Exemplo: Fixar e executar metas desafiadoras

>Organização – Implantar o BSC através de soluções de TIC

- Desenvolver BSC Managers

- Customizar software

- Educar o Usuário

>Monitoramento - Proceder à avaliação “semáforo” de resultados

Como se comportou a tradução da estratégia em ação utilizando o BSC?

O que deve ser feito então?

- Monte o caso da sua realidade, preenchendo o quadro CANVAS

- Priorize cada item conforme o peso que você atribui a cada um deles

- Conecte os itens de maior peso

Como resultado, você chega em um quadro que indica o caminho crítico da gestão da sua carreira, aquele que conecta os elementos de maior peso sobre o resultado esperado (duas bolinhas).

Mas não se esqueça: faça tudo junto com sua equipe - de maneira participativa e transparente.

No final de um período a ser definido por você, torna-se mais fácil realizar uma avaliação de desempenho, marcando os itens do caminho crítico conforme o resultado (“alarmante” em vermelho, “crítico” em amarelo, “tudo bem” em verde). Desta forma você acabou de identificar os itens que requerem uma ou mais ações corretivas, a serem discutidas com sua equipe.

Em suma: o Modelo de Gestão de Resultados através do BSC – Canvas é uma ferramenta desenvolvida para se sair bem como gestor de resultados.

Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: Balanced ScoreCard, BSC, Canvas, Design Thinking, Carreira, Gestão Empresarial, Lucratividade, Rentabilidade

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração