Mais comentada

Como identificar um bom líder dentro da equipe

Identificar as qualidades e habilidades dos liderados pode ajudar na descoberta de novos líderes em sua equipe

iStock

Todo empreendedor sabe que o coração da empresa são as pessoas e por isso cuidar da sua equipe é fundamental para o bom andamento e principalmente para o crescimento da empresa.

Diante de tantas frentes de trabalho, o empresário precisa ter pessoas chaves nos setores para criar estratégias e aperfeiçoar os processos para o desenvolvimento da organização. Saber com nitidez o perfil comportamental adequado para liderar determinado setor e identificar na sua equipe o profissional com tais características é crucial para alavancar os resultados. Unir esses dois aspectos é um “casamento” perfeito tanto para a empresa como para o líder. 

Seguem 3 aspectos relevantes para contribuir nesse processo de identificar um bom líder dentro da equipe.

1 – Mindset de sucesso
Pensamentos geram sentimentos que são transformados em ações que determinam os resultados. Tudo começa na forma de pensar, ter um mindset de sucesso é estar calibrado para a vitória, focar na solução e não no problema, pensar grande e não pequeno, é ver os problemas como oportunidade de crescimento e superar os desafios com inteligência emocional.

Resiliência é a habilidade de levantar rápido e recomeçar de outra forma. O líder deve ter velocidade e motivação para elaborar uma nova estratégia rapidamente. Essa forma de encarar os obstáculos é vista com bons olhos no mundo dos negócios e inspira a equipe em lapidar seus comportamentos. 

2 - Relacionamento & Tarefas
O líder deve ter equilíbrio entre pessoas e tarefas, ou seja, é aquele profissional que mostra resultados diante das estratégias inovadoras que criou, mas também tem tempo para ajudar seus colegas e compartilhar suas descobertas com os demais. Como diz Cora Coralina, “a melhor forma de aprender é ensinar”.

As pessoas não trocam de emprego, trocam de chefe. Um bom líder não forma um grupo e sim uma equipe, unida e focada no propósito da organização. Esteja atento quais são as pessoas da sua equipe que têm facilidade de se relacionar com os diversos tipos de personalidade.

3 – Perfil Comportamental
Todos nós temos um pouco de analítico, paciente, extrovertido e dominante, que são os tipos de perfis comportamentais. O que muda é a intensidade de cada um deles para cada pessoa, o que torna cada pessoa um ser único e diferenciado dos demais com seus talentos e pontos a melhorar.

É fundamental que durante o processo de escolha, o gestor leve em consideração o perfil comportamental do profissional com o cargo que ele irá ocupar na organização. Por exemplo, se a vaga de liderança pede comunicação, relacionamento e uma dose extra de “cara de pau”, é mais indicado que o profissional tenha o extrovertido acima da média, pois dessa forma serão mais fáceis e naturais os relacionamentos que serão necessários realizar para ter sucesso na vaga.

Fazer uma análise detalhada do perfil comportamental com um especialista é um investimento que economiza dor de cabeça, perca de tempo e dinheiro para ambos os lados. Essa avaliação irá proporcionar fazer a escolher mais assertiva da pessoa certa no lugar certo.

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: carreira COACH COACHDECARREIRA coaching COACHRENATACOX equipe LÍDER liderança MERCADODETRABALHO RENATACOX