Mais comentada

Curiosidades sobre Coaching e como este processo pode ajudar a ganhar clareza nas questões profissionais

Coaching pode ajudar a ganhar clareza nas questões profissionais. Este processo se apoia em vários campos do conhecimento, tais como: psicologia, neurociência, linguística, administração, entre outros.

Coaching pode ajudar a ganhar clareza nas questões profissionais. Este processo se apoia em vários campos do conhecimento, tais como: psicologia, neurociência, linguística, administração, entre outros. É importante ressaltar que Coaching não é Terapia, Mentoring, Treinamento, Consultoria ou Aconselhamento.

Pode-se dizer que Coaching é um processo que visa facilitar a aprendizagem e o desenvolvimento, a fim de elevar o nível de resultados positivos do indivíduo. É uma parceria entre o profissional (coach) que utiliza ferramentas e técnicas para levar seu cliente a desenvolver habilidades, aumentar sua performance e conquistar os resultados desejados.

Para entender como o coaching surgiu é necessário fazer uma “viagem” ao século IV e V a. C. na Grécia Antiga, com os filósofos Sócrates, Platão e Aristóteles. Estes pensadores faziam uso da maiêutica para ajudar seus discípulos a aprender a aprenderem. A maiêutica se baseia na ideia de que o conhecimento pode ser encontrado dentro do ser humano pelas respostas a perguntas realizadas de forma perspicaz. Apesar de na época não utilizarem a palavra “coaching”, já utilizavam as perguntas poderosas para despertar a sabedoria interna de seus discípulos.

A origem da palavra coaching vem do termo húngaro “Kocsi”. Kocs é uma cidade na Hungria, onde havia uma carruagem que se tornou muito especial e que se destacava das outras por ser uma carruagem coberta, muito mais veloz, estável, elegante e confortável, o que poderia ser comparado à limousine daquela época. Tal carruagem começou a ficar popular pela sua forma rápida de levar seus passageiros ao destino desejado, através dos seus cocheiros que conduziam tais carruagens. Kocsi popularizou-se e passou ao alemão como “Kutsche”, logo ao italiano como cocchio, até se integrar como “coche” no espanhol. Desta maneira começou-se a utilizar a palavra “coach” para designar o papel de transportar pessoas de um lugar a outro.

Assim como as pessoas eram transportadas naquela época de um local a outro, podemos entender hoje que o Coaching é um processo que transporta o coachee (cliente) de um estado atual para um estado desejado (resultado).

Na década de 1850 este termo começou a ser utilizado em Universidades inglesas para designar quem fornecia apoio aos estudantes. Ao longo dos anos a palavra coach foi sendo integrada ao mundo da educação, empresarial e pessoal até chegar o momento de designar o profissional que conduz este processo nos dias de hoje.

Existem diferentes tipos de coaching para diferentes necessidades, entre eles, destacam-se o Life Coaching ou comumente conhecido como Coaching de Vida, que ajuda o indivíduo nos mais diversos aspectos das áreas da sua vida, tais como saúde, relacionamentos, finanças, carreira entre outros e o Coaching Executivo, que apoia executivos, líderes em geral, empresários e empreendedores e tem por objetivo elevar o desempenho, a fim de proporcionar crescimento pessoal/profissional e do negócio.

O processo de coaching pode ser realizado de forma individual ou em grupo. É um processo que tem início, meio e fim, com sessões semanais ou quinzenais. A quantidade de sessões irá variar de acordo com o objetivo do cliente. No processo de coaching, o cliente é apoiado a persistir nas suas metas, a descobrir e vivenciar seus valores, a dar um novo significado para crenças limitantes, a fim de maximizar o potencial e obter os resultados desejados.

Situações em que o coaching pode ser usado na vida profissional:

  • Desejo de crescer profissionalmente
  • Desejo de tomar a carreira nas mãos
  • Transição de carreira
  • Desejo de começar a empreender
  • Desenvolvimento e planejamento de carreira
  • Desenvolvimento de competências, tais como: comunicação, relacionamento interpessoal, inteligência emocional, liderança entre outras
  • Não sabe ou tem muitas dúvidas sobre o que quer para sua vida profissional
  • Quer mais clareza para tomar decisões com mais segurança
  • Desejo de realizar mudanças
  • Realização de objetivos profissionais e/ou de negócios
  • Sente que não consegue atingir seus objetivos sozinho(a) e precisa de ajuda
  • Identificar e/ou melhorar perfil comportamental e profissional
  • Melhorar sua produtividade (foco, gestão do tempo)
  • Administrar melhor os papéis de vida X trabalho
  • Realização e felicidade profissional
  • Equilíbrio entre vida pessoal e profissional
  • Qualidade de vida e mais tempo para se dedicar as pessoas que ama.
Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: carreira coaching desenvolvimento negócios treinamento

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração