O protagonismo de Neymar Jr

O que Neymar Jr tem a nos ensinar sobre liderança e protagonismo?

O atleta Neymar Jr foi protagonista da maior transação comercial do esporte e isso repercutiu muito além das quatro linhas do campo de futebol. Muito se discutiu sobre os valores envolvidos, sobre a atitude do esportista em sair de um clube onde aparentemente estava muito bem e ir para outro totalmente diferente e por aí vai. Com apenas 25 anos de idade já “quebrou” o mundo do futebol.

" Você é livre para fazer suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências." Pablo Neruda

Muita expectativa envolvida para sua estreia. As perguntas mais frequentes eram: como ele irá se comportar? Será que irá corresponder ao volume da transação envolvida? Pois é... sim, ele correspondeu! Foi o astro do jogo contra a equipe do Guingump, no campeonato francês de futebol. Deu show! Mostrou todo seu protagonismo! Marcou gol, deu passe para outro e ainda fez jogadas de efeito que sempre encantam os torcedores. Enfim, mostrou a que veio. Eu vi o jogo, assim como milhares de pessoas em todo o mundo. Ele arrasta multidões, torcedores do clube em que joga atualmente ou não.

Claro que isso não quer dizer que ele sempre irá jogar bem como fez em sua estreia. Isso ocorre com qualquer atleta, pois cada jogo é único e há vários desafios a enfrentar. Porém, Neymar Jr já mostrou que é um “fora de série”. Mesmo que você não concorde ou considere injusto o valor envolvido na transação de sua transferência, ele apenas tomou uma decisão baseado em suas escolhas e perspectivas de futuro. Não há como recriminar ou “vilanizar” o atleta, afinal ele não procurou tal situação ou agiu de forma antiética.

Para você lembrar um pouco da história de Neymar Jr, ele tem um retrospecto fantástico em sua carreira e, principalmente, em suas estreias. Todas as vezes que iniciou em um time ou na seleção venceu e marcou gol. Entre tantos títulos, foi campeão Brasileiro, da Taça Libertadores, ganhou o prêmio Puskas com o gol mais bonito do ano de 2011, conquistou a Liga dos Campeões da UEFA e foi medalha de ouro das Olimpíadas do Rio.

Trazendo esta situação para o mundo empresarial, não que o futebol atual não seja, vemos muitos profissionais mudando de empresa para ganhar mais ou para ter um cargo mais elevado. Correto? Então, porque ele não pode?

Ah, você deve estar pensando nos valores envolvidos, mais uma vez... e respondo que é o valor de mercado que cada um está disposto a pagar. Você tem feito a diferença para valer mais? Você tem sido protagonista em sua empresa para ser desejado pela mesma ou por outras? Você tem apresentado resultados efetivos que justifiquem seu salário, ou um aumento, ou promoção?

Em vez de criticar o sucesso dos outros é preciso olhar para si e avaliar o próprio desempenho, os resultados apresentados, a satisfação dos clientes, a marca que você deixa nas outras pessoas. Faça isso e verá que o sucesso é resultado de um conjunto de fatores como: muito esforço, dedicação, treino, competência para fazer aquilo que é contratado, networking e boas estratégias de marketing pessoal. Está realmente preparado para isso? Então estude, busque informações, suporte psicológico e profissional. Vá em frente e faça acontecer, pois todos podemos alcança o sucesso e a realização pessoal e profissional.

Use o exemplo de sucesso do Neymar Jr como referência para planejar sua carreira. Mesmo que você não admire certos aspectos da vida pessoal dele foque no protagonismo que ele sempre demonstra. Chame para si a responsabilidade de alcançar suas realizações, não delegue. Crie metas e cumpra como ele fez. Afinal ele certamente não irá parar por aqui... e você?

"É impossível progredir sem mudança, e aqueles que não mudam suas mentes não podem mudar nada." George Bernard Shaw

Rogerio Martins é psicólogo, escritor, palestrante, professor universitário e especialistas em desenvolvimento de lideranças e comportamento assertivo. Apaixonado por exemplos de superação e realização pessoal e profissional. Fã do bom futebol e das boas histórias.

 

Avalie este artigo:
(2)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: empreendedorismo gestão lideranca liderança pessoas produtividade

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração