Portal de Recursos Humanos

Como gerir os Recursos Humanos da sua empresa com a ajuda de um sistema informatizado.

A gestão do capital humano tornou-se uma tarefa cada vez mais complexa para as organizações, exigindo profissionais bem capacitados e ferramentas tecnológicas sofisticadas para eficientemente gerir e desenvolver seus talentos.

 

Isso mostra que a área de Recursos Humanos precisa se transformar e ampliar seu espaço e importância dentro da empresa. O RH deve deixar de lado as atividades mais burocráticas e operacionais e dedicar seu tempo a fazer das pessoas da organização um fator de vantagem competitiva.


Em busca desse diferencial, a gestão compartilhada do RH vem ganhando espaço nas empresas, principalmente por auxiliá-las a transformar o RH tradicional em um RH estratégico.


Por exemplo, por meio do Portal Join RH é possível que a organização alcance esse modelo competitivo de gestão, deixando de lado suas atividades puramente organizacionais para adotar um posicionamento diferenciado.


Os componentes do Join RH permitem acompanhar todo o processo da avaliação de desempenho por competências, realizar o levantamento de necessidades de treinamento, divulgar as descrições de cargo, disponibilizar todas as informações do plano de cargos e salários, entre muitas outras atividades.


Além disso, inclui o Workflow de Requisições, tais como o pedido de aumento salarial/promoção, a requisição de admissão, requisição de demissão, revisão da descrição de cargo, transferência interna de funcionário e solicitação de treinamento, onde são definidas as etapas de aprovação eletrônica e estabelecidas as regras para cada uma delas.


Com isto, o Join RH se torna uma ferramenta que conduzirá muitas funções do RH e será muito importante para dar suporte à implantação e manutenção de um programa de certificação ISO 9001, QS ou TS.


O Join RH coloca efetivamente em prática o que muitos só descrevem na teoria, como podemos ver nas empresas Metso, Schaeffler (Ina, Luk e Fag), Bridgestone, Coca-Cola, entre outras empresas que trabalham com esse sistema.


À medida que o gestor ganha uma ferramenta online, ele próprio poderá executar todas as atividades referentes à gestão de seus subordinados, tendo acesso a informações e serviços de RH dentro ou fora da empresa, via Internet.


Já se foi a época onde o uso da Internet no RH era tido apenas como um programa de ganho de eficiência. Hoje, e cada vez mais, será visto como uma fonte de distribuição das informações para os departamentos e através de interfaces amigáveis criará um ambiente de fácil utilização e com total segurança das informações.


Esse avanço implica na redução de papel e otimização do fluxo de trabalho, na automatização de atividades rotineiras e repetitivas, no aumento da velocidade de respostas, na garantia de decisões por parte dos gestores apoiadas em uma base maior de informações e no rápido diagnóstico de uma situação corrente, tudo isso melhorando o processo de comunicação e levando o RH a assumir um papel de consultor.

 

O grande desafio a se enfrentar na implantação de um projeto como este é a mudança cultural e consequentemente a aceitação do novo projeto e da nova maneira de fazer as atividades do dia-a-dia. A cultural organizacional é a linha guia para o comportamento das pessoas e deve ser capaz de estimular as pessoas a abandonarem a maneira antiga de fazer as coisas, adotando novas práticas que proporcionem resultados melhores. Por isso, para mudar com sucesso é preciso envolver e buscar o comprometimento de todos os gestores.

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(1)
Tags: gestão informática recursos humanos sistemas ti