Decisões certas na hora certa

Um ciclo terminou e outro se aproxima, hora de planejar, de definir começo, meio e fim de um novo projeto.

O ciclo de um projeto é semelhante ao ciclo PDCA, ou seja, planejamos, desenvolvemos, checamos e corrigimos as falhas, existe outra forma bem dinâmica de idealizarmos esse planejamento, fases que podemos caracterizar como nascimento (iniciação ou concepção); adolescência (planejamento); maturidade (execução); velhice (monitoramento e controle) e morte (encerramento).

Nota-se que tomada de decisões é algo constante nesse processo Alvin Tofller disse: “O futuro é construído pelas nossas decisões diárias, inconstantes e mutáveis, e cada evento influencia todos os outros.” Dentro de uma organização torna-se importante a opinião dos demais gestores, temos que pensar da seguinte forma estamos desenvolvendo um projeto que envolverá procedimentos relacionados a outros setores, Antony Robbins disse: “Saiba que suas decisões, e não suas condições, que determinam seu destino”.

Ontem pensei, estou de férias, preciso organizar algumas coisas, amanhã acordarei cedo depois do café vou lavar roupa, e depois do almoço arrumar a casa, hoje acordei mais cedo do que os outros dias providenciei tudo, e ainda tive tempo para produzir esse artigo. O dia foi produtivo? Certamente!
Clarice Lispector disse: “E o mundo a me exigir decisões para as quais não estou preparada. Decisões não só a respeito de provocar o nascimento de fatos, mas também decisões sobre a melhor forma de se ser.”
Planejar é pensar antecipadamente e isso também inclui aspectos motivacionais. Estou motivada a cumprir todas as etapas eficientemente?

Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: Decisões Planejar Procedimentos