Como investir na Bolsa de Valores em 2017

Com a virada do ano, já pensou em dar uma guinada em seus investimentos? Confira quais são as melhores possibilidades para aplicar seu dinheiro este ano!

O ano novo chegou e com ele veio a vontade de mudança. Além dos votos de paz e esperança, vários brasileiros também buscam formas de driblar a crise. À procura de alternativas mais rentáveis para valorizar seu dinheiro, muitos acabam demonstrando interesse ainda maior pelo Mercado Financeiro.

Neste sentido, uma das perguntas mais frequentes que vêm à mente do investidor é: afinal, quais são os melhores investimentos para 2017? Se você também tem dúvidas sobre como e onde investir neste ano que acaba de começar, continue lendo este artigo. Após a leitura você saberá:

  • Quais fatores é preciso levar em consideração na hora de investir este ano

  • Onde aplicar capital na renda fixa em 2017

  • Onde investir dinheiro na renda variável em 2017

Acontecimentos para ficar de olho em 2017

Um investidor inteligente sabe que o que acontece no Brasil e no mundo influencia, direta ou indiretamente, o rumo dos investimentos. Sendo assim, é essencial prestar atenção ao que ocorre no mundo dos negócios antes de tomar uma decisão.

É preciso ressaltar, todavia, que períodos adversos podem provocar intensa volatilidade no Mercado Financeiro. E isso pode soar negativo à primeira vista, mas na verdade pode fazer surgir excelentes oportunidades.

Veja agora alguns fatos para ficar atento este ano:

  • Instabilidade política no Brasil: a projeção é de que a inconstância em relação à política permaneça em 2017. A continuidade da Operação Lava Jato e seus desdobramentos, por exemplo, devem afetar tanto o cenário público quanto a iniciativa privada. O governo Michel Temer ainda tem pela frente grandes batalhas para aprovar medidas controversas em busca de maior equilíbrio das finanças. Com isso, há potencial para que movimentos populares se intensifiquem nos próximos meses.

  • Atuação do FED: o Federal Reserves é um dos órgãos mais importantes da economia dos Estados Unidos. Suas reuniões foram acompanhadas de perto pelo mercado em 2016 e tudo indica que no novo ano esta tendência continua. Com a definição de alta dos juros norte-americanos em dezembro de 2016, aumenta-se a expectativa de que nos próximos meses surjam novas mudanças.

  • Governo de Donald Trump: com o resultado das eleições presidenciais nos EUA, o mercado manteve o receio em relação às polêmicas propostas por Trump. Com a proximidade da posse do candidato republicano, aumentam as incertezas em relação às políticas protecionistas que podem ser colocadas em práticas. Entre outras consequências, tais medidas podem afetar os países emergentes, inclusive o Brasil.

  • Incertezas na Europa: em solo europeu, o fortalecimento de governos nacionalistas está retomando a ideia de uma Europa de Estados Nacionais. Este movimento faz com que a proposta de blocos econômicos, como a União Europeia, se enfraqueça. Definições importantes como a do Brexit, ruptura do Reino Unido com a UE, têm potencial para aumentar em 2017, provocando intensa movimentação nos mercados mundiais.

Investindo na Renda Fixa em 2017

A projeção positiva de alguns indicadores da economia no Brasil pode fazer com que se mantenha a migração dos investidores da poupança para os investimentos de renda fixa pelos próximos meses. Entre as medidas que vão impulsionar esse movimento, está a intensificação da queda da taxa básica de juros.

Além disso, menores perspectivas para a inflação mantêm o interesse dos investidores nesta modalidade. Deste modo, investir em renda fixa continuará sendo uma premissa para muitos brasileiros em 2017.

Tesouro Direto

O programa do Tesouro Nacional em parceria com a BM&F Bovespa conquistou os holofotes em 2016. O Tesouro Direto ultrapassou a marca de 1 milhão de investidores inscritos e, em 2017, tudo indica que este sucesso deve permanecer.

Entre as possibilidades ofertadas pelo programa, os títulos prefixados obtiveram grande demanda entre os investimentos de renda fixa nos últimos meses. Foram milhares de investidores atraídos pelo forte potencial de ganho de capital possibilitado pelo papel.

Com isso, espera-se que em 2017 este panorama permaneça forte. Isso se deve em grande parte pela possibilidade de normalização dos indicadores econômicos. Significando, portanto, que os títulos pós-fixados podem perder atratividade e que os prefixados conquistarão ainda mais investidores.

Certificado de Depósito Bancário

O conhecido CDB deve permanecer no radar dos investidores em 2017. Além de acessível e seguro, este tipo de investimento oferece ótima rentabilidade. Considerada uma alternativa primordial para construir uma carteira de investimentos sólida, o CDB está galgando espaço entre as aplicações mais buscadas pelos brasileiros.

Em 2017, as perspectivas apontam que o setor bancário estará ainda mais aquecido. Assim, por causa da estimativa de aumento nas movimentações bancárias, o CDB poderá conquistar ainda mais investidores.

Letra de Crédito Imobiliário e Letra de Crédito do Agronegócio

As Letras de Crédito são muito visadas porque, entre outras vantagens, são isentas de Imposto de Renda. Contudo, é preciso estar atento à rentabilidade do negócio antes de tomar uma decisão, já que em muitos casos um CDB, por exemplo, pode oferecer retornos maiores e exigir um valor inicial menor para ser investido.

Apesar da ressalva, a menção a esta modalidade se fez necessária já que em 2017 as LC podem ganhar mais evidência. Isso porque o reaquecimento da economia pode impulsionar positivamente os setores vinculados a este investimento, no caso os ramos de imóveis e da agroindústria.

Investindo na Renda Variável em 2017

Almejada por muitos investidores iniciantes, não é possível deixar passar as potencialidades da renda variável. As expectativas em relação à modalidade são altas, sendo que muitos especialistas acreditam que este mercado poderá ser o mais atrativo de 2017.

Com um leque amplo de possibilidades, a Bolsa de Valores oferece bons negócios a todos os perfis de investidor. Tanto os mais conservadores, que preferem aplicar a longo prazo, quanto os mais arrojados, que buscam investir em operações de curtíssima duração, poderão se beneficiar do Mercado de Ações em 2017.

Como comprovação desta expectativa, temos a valorização do Índice Bovespa que, mesmo em período de instabilidade política e econômica, avançou cerca de 30% entre janeiro e dezembro de 2016.

Se você deseja saber onde e como investir na Bolsa de Valores, veja agora algumas opções para aplicar seu capital:

Setor de bancos

Muitos analistas de mercado acreditam que o setor bancário vai manter a atratividade em 2017. Ativos de instituições renomadas como Itaú Unibanco (ITUB4), Bradesco (BBDC4) e Banco do Brasil (BBAS3) provavelmente apresentarão tendência de alta. Deste modo, podem oferecer excelentes retornos a quem adquirir seus papéis.

Um fator que corrobora esta perspectiva é a possível retomada do consumo pelos brasileiros. Mesmo com as estimativas de queda dos juros, os bancos brasileiros poderão se beneficiar este ano. O crescimento das movimentações bancárias e a possibilidade de aumento de crédito podem ajudar as ações mencionadas a alcançar excelente valorização em 2017.

Setor de consumo

Outro setor que deve se beneficiar bastante com o reaquecimento econômico e, consequentemente, com a reconquista do crédito pelo consumidor é justamente o setor ligado ao consumo. Papéis de empresas como Lojas Renner (LREN3), Hering (HGTX3), Lojas Americanas (LAME4) e Ambev (ABEV3) serão grandes beneficiários desta potencial mudança.

Estatais

As empresas públicas também podem fazer parte do portfólio de investimentos em 2017. Companhias que atualmente estão voltadas para a formação de caixa, como a Eletrobras (ELET6) e a Petrobras (PETR4), também poderão chamar a atenção dos investidores.

A Petrobras, em especial, demonstrou intensa recuperação em 2016. Após alcançar mínima histórica em janeiro do ano passado, a estatal apresentou valorização surpreendente pelo resto do ano, chegando a mais de 110% de alta no período. Por isso mesmo, os papéis da petroleira são tão buscados pelos investidores e tenderão a manter-se em alta demanda.

Agora que já conheceu algumas perspectivas para o ano que começa, que tal dar um empurrãozinho para as suas finanças? Busque investimentos que sejam seguros, acessíveis e, claro, rentáveis para valorizar seu capital em 2017!

 

Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: Bolsa de Valores CDB como investir na Bolsa de Valores economia investimentos LCA LCI melhores investimentos 2017 Tesouro Direto

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração