Mais comentada

Resumo crítico-analítico metodologia do trabalho cientifico

Cleyton,

Introdução

 

 

Ao pensamos em metodologia e pesquisa cientifica usualmente temos a impressão que estamos falando de laboratórios com vários tubos e ensaios e líquidos coloridos.

 

Sempre vemos o termo pesquisa cientifica o ligamos a área tecnológica ou médica, no entanto este observação não esta um pouco equivocada ou melhor incompleta.

 

A pesquisa cientifica pode sim ser utilizada para observação de fenômenos sociais e ainda pode ser aplicado na educação, na informática, e todos as áreas do conhecimento humano.

 

A busca de por saber o que acontece ao seu redor o ser humano tem necessidade de transformar o ambiente em que vive. A pesquisa científica vem então como uma solução para auxiliar e entender e buscar respostas para os problemas.

 

Podemos definir como pesquisa científica a “investigação metódica, organizada, da realidade, para descobrir a essência dos seres e dos fenômenos e as leis que regem com o fim de aproveitar as propriedades  das coisas e dos processos naturais em beneficio do homem” .(PINTO abud RICHARDSON,1999,p.21)

 

As respostas são geradas a partir de tais indagações que por sua vez se tornam no conhecimento. Porém para gerar este novo conhecimento o cientista tem duas outras etapas: refletir sobre o fenômeno estudado e saber como ele aconteceu e saber explicar como ele acontece.

 

 

 

Método Científico

 

Para garantir que os resultados alcançados na pesquisa científica, existe o método cientifico, que vem auxiliar a maneira ou caminho para chegar a um objetivo, neste caso ao resultado verídico da pesquisa.

 

O método científico segundo Richardson (1999) sempre é caracterizado pela observação da realidade que segue um caminho:

 

  • Formulação do Problema;
  • Busca de informações sobre esse;
  • Levantar hipóteses;
  • Predizer o resultado do teste das hipóteses;
  • Preceder à experimentação;
  • Aceitar as hipóteses;
  • Ou rejeitar as hipóteses;

 

Existem vários métodos científicos: indutivo, dedutivo, experimental, fenomenológico. Segundo com Gil (1999) os métodos proporcionam as bases lógicas da investigação cientifica. Os diversos métodos são vinculados às correntes filosóficas “ que se propõem a explicar como se processa o conhecimento da realidade” (p.27)

 

Algumas definições tem que ser esclarecidas para o melhor entendimento sobre pesquisa cientifica. De acordo com Laville e Dionne (1999) existem três definições importantes para melhor entendimento da terminologia:

 

  • Método: “Conjunto de princípios e procedimentos aplicados pela mente para construir, de modo ordenado e seguro, saberes válidos” (p. 335)
  • Metodologia: “Estudo dos princípios e dos métodos de pesquisa”
  • Técnica de Pesquisa:” Procedimento empregado para recolher dados de pesquisa ou para analisá-los . Tem técnicas de coleta e técnicas de analise de informações” 

O método científico deve ser usado em estudos de qualquer âmbito, no entanto os procedimentos a serem utilizados devem ser compatíveis com o objetivo de estudo.

 

A pesquisa cientifica cujo objeto de pesquisa seja fenômenos sociais, a maneira de mensuração não pode ser a mesma no qual é utilizado para medir o comportamento da matéria. Os fenômenos sociais envolvem pessoas, e pessoas estão em constante mudança e são dotadas de consciência e de subjetividade. Neste contexto nem sempre é possível de submeter o comportamento humano a situações de experiência e controle.

 

Classificação dos trabalhos científicos

 

O produto da ciência é o conhecimento que se constrói pela realização de trabalhos científicos.

 

Há vários tipos de trabalhos científicos: artigos, trabalhos de conclusão de curso (TCC) ou monografias, dissertações e teses.

 

A apresentação deste trabalhos científicos seguem as normas estabelecidas pela a ABNT, Associação Brasileira de Normas Técnicas e estabelecido pela norma NBR 14724. A definição de cada um deles:

 

  • Monográfica: o conceito está ligado à origem etimológica do termo: mónos (Um só) e graphein (escrever). Assim, significa que nela o pesquisador aborda um só assunto, ou seja, escreve a respeito de um assunto único. Por isso, a monográfica relaciona-se mais a assimilação de conteúdos, servindo como um ponto de partida para a pratica em pesquisa.
  •  Dissertação: estudo no qual o pesquisador reúne, analisa e interpreta informações a respeito de um fenômeno, mostrando domínio de conhecimento a respeito do que já foi dito.
  • Tese: a principal característica deste tipo de trabalho cientifico é a originalidade na investigação. Por isso mesmo, constitui-se em real contribuição para o conhecimento da ciência com relação ao fenômeno estudado.

 

Em relação ao artigo cientifico, podemos defini-lo como uma produção cientifica que desenvolve um tema especifico. Na maioria das vezes, um artigo elabora uma reflexão sobre textos e os resultados de pesquisa recentes numa certa área de conhecimento.

 

Projeto de Pesquisa

 

O projeto de pesquisa é um documento no qual o pesquisador elabora para discutir juntamente como orientador, sobre a forma de execução da pesquisa e a forma de coleta e analise dos dados.

 

No projeto o pesquisador informa o que vai estudar e o que pretende alcançar com seu estudo, as razões que levaram a querer desenvolvê-lo, e o que já foi dito sobre o que ele pretende estudar (referencial bibliográfico) que vem a ser a base do estudo cientifico, e de que maneira o estudo será desenvolvido.

 

Problema de Pesquisa

 

Este é o principal em uma pesquisa cientifica, pois e a alma da onde toda a pesquisa irá se iniciar, se na definição do problema o pesquisador tiver um problema com grande relevância e aumenta e muito a chance de sucesso no resultado da pesquisa.

 

O problema de pesquisa e um ponto no qual os pesquisadores iniciantes tem grandes duvidas, sendo que na maioria das vezes relacionam problema com tema ou área de pesquisa.

 

Podemos definir como problema de pesquisa sendo a pergunta no qual o pesquisador busca responder durante a execução da pesquisa. E é a partir do assunto ou tema que ele define essa pergunta..

 

Quando não se sabe algo, temos um problema de pesquisa, que precisa ser investigado, ajudando, dessa forma, a resolver os problemas do nosso cotidiano.

 

A pesquisa, portanto, faz parte da nossa vida, o tempo todo. Quando se fala de teoria do conhecimento, está se referindo a algo que não conhecemos e por isso mesmo estamos alienados em relação a esse fenômeno desconhecido.

 

Objetivo de Pesquisa

 

Após definido o problema de pesquisa, tem-se claramente qual o objetivo da sua pesquisa.

 

O objetivo da pesquisa normalmente é dividido em dois tipos, o objetivo geral e os objetivos específicos. Os objetivos devem ser apresentado na forma de verbo. Os objetivos específicos servem para auxiliar o pesquisador  no que terá de fazer para alcançar o objetivo principal ou geral da pesquisa.

 

O objetivo tem como papel explicar o caráter da pesquisa, exploratório ou descritivo. Segue abaixo definição de cada um:

 

  • Pesquisa exploratória: buscam uma aproximação com o fenômeno, pelo levantamento de informações que poderão levar ao pesquisador a conhecer mais a seu respeito.
  • Pesquisas descritivas: realizadas com o intuito de descrever as características do fenômeno.
  • Pesquisas explicativas: ao realizar um estudo desta natureza, o pesquisador procura explicar causas  e conseqüências da ocorrência do fenômeno.

 

O caráter da pesquisa influencia todo o desenvolvimento da pesquisa, a começar pela maneira como o pesquisador determina os objetivos de sua investigação.

 

Fichamentos e resumos

 

A pesquisa bibliográfica e um importante estágio na elaboração da pesquisa. Com a utilização de conceitos e teorias utilizados para estudar os fenômenos, o pesquisador ficar conhecendo o que os outros pesquisadores e autores disseram a respeito do fenômeno que pretende estudar.

 

Não deve se esquecer de anotar as referencias da obra, que devem constar no item de referência bibliográfica, caso a obra venha fazer parte do quadro teórico da pesquisa ou ser citada no texto.

 

Coleta de Dados

 

O levantamento das informações significativas e representativas existentes na realidade da pesquisa é chamada de dados.

 

Ao interpretamos e analisamos estes dados coletados, estamos tendo como produto final informações que serão distribuídas em padrões de respostas, tendências, analises e associações.

 

È necessário , então, utilizar ferramentas que nos permitam chegar a coletar, organizar e analisar os dados. Na coleta de dados o pesquisador deve garantir a uniformidade da aplicação dos instrumentos e coleta de dados.

 

Isso significa que o instrumento de coleta (questionários, ficha de observação, roteiro de entrevista etc.) deve ser organizado de tal maneira que a forma de sua aplicação não altere a natureza dos dados registrados. Os itens e perguntas são padronizados em termos de seu formato.

 

  

 

Conclusão

 

A metodologia da pesquisa cientifica não se finda com a conclusão de deste resumo, na verdade ela se inicia, pois o pesquisador deve colocar em pratica os tópicos aqui apresentados, e a pesquisa cientifica não tem como aspecto simplesmente a leitura teórica tem como base também o experiência pratica.

 

Abaixo um resumo de um guia básico para elaboração do trabalho cientifico.

 

 

 

 

 

 

Referencia Bibliográfica

 

Trabalho baseado no guia de estudo da ESAB - Metodologia da Pesquisa Científica - Jaime Roy Doxsey e Joelma de Riz.

 

Autor: Cleyton Izidoro – Administrador, especialista em logística, MBA em finanças e Mestrando em Economia de Empresas.

Avalie este artigo:
(0)

Curta o Administradores.com no Facebook
Acompanhe o Administradores no Twitter
Receba Grátis a Newsletter do Administradores

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.