4 Dicas para estimular sua Criatividade

Nem todo mundo tem a criatividade como diferencial. De fato, algumas pessoas nascem com essa aptidão, mas é possível estimular sim seu lado criativo. E ser mais criativo no dia-a-dia pode ser interessante, especialmente quando se trata de empreender.

De todos os animais, o homo sapiens sapiens é o único com dois importantíssimos diferenciais: a capacidade de ser racional e a capacidade de ser criativo.

Estimular a criatividade pode não ser algo fácil, mas é sim, possível. Um bom treino diário faria toda diferença.

Estimular a criatividade é muito bacana, pois envolve também a capacidade de adaptação e o desenvolvimento amplo da visão. Vamos entender um pouco mais tudo isso com essas dicas legais que separei pra você:

1. Escolhas - Permita-se! "Se tudo na vida são escolhas, por que não arriscar?" Muitas vezes seu bloqueio criativo pode estar relacionado a segurança emocional, ao que é mais cômodo e garantido. Isso não é um defeito é apenas uma questão inconsciente de sobrevivência. Um fator importante, é começar a se observar e questionar o porquê das mesmas escolhas sempre. Aproveite para fazer esse auto estudo.

E se hoje você tentar um caminho diferente pro trabalho? Almoçar em um local que você não costuma ou nunca foi? Uma culinária bem diferenciada? Um filme? Uma música? Comece por essas coisas simples. Assim você vai assimilando o conceito de que o diferente também pode ser interessante. E nem sempre tão ruim assim.

2. Ótica. "Outro olhar". Ao fazer outras escolhas você passa a perceber o mundo por outras óticas. E no empreendedorismo isso é essencial. Ver com os olhos do cliente, do consumidor, do público que você quer atingir. 

Ampliar a nossa ótica com relação as outras coisas, opiniões e ideias amplia nossa cultura e as nossas possibilidades. Estimula nossa evolução pessoal e profissional.

3. Flexibilidade. "A capacidade de adaptar-se". Ao desenvolver outras óticas ganhamos algo incrível, a capacidade de fazer escolhas mais conscientes e com isso poder adaptar-nos a situações diversas. "Sobrevive não o mais forte, mas sim, o que se adapta mais fácil as mudanças". E o mundo hoje exige cada vez mais de nós essa capacidade. Estamos entrando na era dos relacionamentos (vou fazer um artigo falando mais sobre isso). E a flexibilidade será algo cada vez mais imprescindível.

Não entenda a questão de ser flexível em determinadas situações como aceitar tudo que lhe é imposto, e sim negociar, ter uma visão ampla da situação e entender tudo que acontece, tomando assim, a decisão mais inteligente para o momento.

4. Estímulo. "A constância é mais importante". Ao passar pelos 3 passos anteriores continue a estimular e desvendar outras opções. Criando novos arquétipos, novas formas de vivenciar experiências.

Viajar é algo que contempla muito isso tudo que abordei. E não precisa ser longe. Qualquer lugar. A simples oportunidade de observar culturas diferentes da sua já estimula sua visão, sua flexibilidade e a capacidade de adaptar-se em outra cultura um pouco ou muito diferente da sua. Extraia disso novas experiências. Novos olhares. Divirta-se. Ser criativo também é isso.

 

Espero que você tenha gostado dessas dicas. Divida comigo suas experiências.

Até logo!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: administração carreira criatividade empreendedorismo marketing negocios pensar fora da caixa produtividade profissional