O passo a passo de uma marca online rumo ao mundo físico

Uma tendência dos últimos anos e que se concretizou é o movimento das lojas Online indo pro mundo físico. Veja o passo a passo que elas usam.

Uma tendência dos últimos anos e que se concretizou é o movimento das lojas Online para o mundo físico. Visitei, a Armitage ave., uma rua muito bacana em Chicago e que possui várias lojas On2Off como Warby Parker, Tie Bar entre outras.

Não há motivos para surpresas, afinal essas marcas sabem o poder de marketing que um ponto bem localizado.

São tantos e-tailers virando retailers que já existe até um mapeamento desse movimento do Online para o Offline.

Fase 01. O primeiro passo do e-tailer rumo ao mundo físico é investir em uma pop-up store (loja temporária). Os contratos de curta duração e custos mais baixos permitem experimentar o mundo físico com menor risco.

Fase 02. O passo após a experiência com loja temporária é investir em uma flagship (loja modelo) que vai representar o espírito da marca, suas melhores qualidades e melhores produtos. Os e-tailers, em sua maioria, escolhem lugares de destaque em cidades como New York, por exemplo. Lugares assim são maravilhosos por sua diversidade e fluxo para testar a receptividade da marca e seu conceito de loja física.

fase 03. Após a experiência com a loja modelo (Flagship), é chegada a hora de expandir para cidades principais. Normalmente no plano de expansão dessa etapa está a abertura de 2 a 10 lojas. Cidades principais como Chicago, Miami, Los Angeles têm a preferência e cidades secundárias como Portland e Austin também podem ser contempladas. Mais lojas lojas físicas significa que mais consumidores podem se conectar com a marca.

Uma pesquisa recente da JLL com consumidores americanos fala que 40% dos entrevistados admitem maior possibilidade de comprar em lojas online que tenham também loja física na sua cidade.

fase 04. A última fase é o movimento para fortalecer a marca com uma rede de lojas com abrangência nacional e operação em ruas e dentro de shoppings. Nessa fase o e-tailer se torna um retailer propriamente dito. A partir daqui o importante é continuar construindo e fortalecendo a marca e possuindo uma integração fluida nas plataformas doss seus canais online e físico.

O movimento On2Off veio pra ficar e é um meio importante para aumentar as vendas das empresas naturais do mundo online como também fortalecer suas marcas.

fonte: http://www.chainstoreage.com/article/report-online-retailers-continue-move-brick-and-mortar

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Avalie este artigo:
(0)
Tags: e-commerce empreendedorismo estratégia movimentação negócios online varejo