Marketing Pessoal: o melhor de você

O Marketing Pessoal, é a excelência em tudo o que se realiza, é um esforço diário de adaptação e mudança de atitude no seu jeito peculiar de pensar, comportar e agir

Fazer-se notado, mas não é exatamente ser visto ou notado, mas ser notado positivamente a todo instante por suas competências, habilidades e atitudes que conduzem a trajetória de sucesso. Para Leo Burnet, “se você não for percebido, você não está com nada. Mas tem que ser percebido naturalmente, sem gritar e sem truques”.

Valorizar a priori os aspectos que vem do interior de cada pessoa e depois o exterior, pois o que a pessoa é exteriormente nunca será mais relevante daquilo que você é interiormente. 

Para Sylvia Vergara, “O mundo trata melhor quem se trata melhor”.

Observe os pontos fortes da sua personalidade, faça resplandecer suas competências e a posteriori foque na divulgação destas características marcantes e isso será pra você a sua marca, com o passar do tempo, a sua ”marca pessoal” ficará conhecida e valorizada.

Agora não há como negar que a maioria das vezes o mercado compra só a imagem das pessoas, então é relevante observar sempre que as pessoas deixam as suas marcas por onde vão passando e são lembradas de duas maneiras: Positiva ou Negativa conforme a vivência deixada nos outros. No meu artigo Marketing pessoal: sua marca ficará no coração das pessoas (Gois, 2011), um plano de marketing que é como uma “receita de bolo” que pode ser elaborado em poucos dias, é um hábito e você precisará de algum tempo para se habituar a nova maneira de se comportar, mas lembrando quer ninguém consegue incluir sua estratégia de marketing pessoal da noite para o dia, nem obtém resultados imediatos, pois é preciso plantar, regar, cultivar e manter o Marketing Pessoal.

Faça sempre alguns questionamentos a você mesmo: Que tipo de marca positiva você gostaria que ficasse vinculada a sua pessoa? Que tipo de imagem eu estou passando? Você precisa mostrar seus pontos positivos a todo instante e repetir às pessoas a sua marca pessoal, não adianta querer ser lembrado se não repetir sua marca várias vezes e se tiver alguém que repita para você, melhor ainda! Leiam também mais um  artigo sobre Marketing de valor: você agregar valor aos seus produtos e serviços (Gois, 2011), quanto mais a nossa marca for respeitada, mais iremos conquistar o sucesso almejado. Valorize sempre a sua pessoa, sua marca e as outras pessoas!

Avalie este artigo:
(6)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração