Você sabe qual é a diferença entre necessidade e desejo?

Digamos que você esteja num local em que o seu aplicativo, para chamar táxi, não funcione e apareça um para você sem ar-condicionado e você, ainda, tenha que aturar a música chata no rádio do taxista. Nesse caso como você não teve outra opção, foi obrigado a utilizar esse táxi, o qual lhe atendeu uma necessidade. No entanto, claro que o seu desejo é que fosse um táxi que tivesse o quê?

Olá, tudo bem com você?

Hoje, o tema deste artigo é sobre qual é a diferença entre necessidade e desejo. Em o meu primeiro artigo, aqui no Portal Administradores, em 14 de novembro de 2014, publiquei o artigo – Afinal, você sabe o que é Marketing? –. 

Neste artigo eu coloquei como definição de marketing o seguinte: “São profissionais de uma empresa que terão que prospectar tendências para atender às necessidades e os desejos dos clientes”, ou seja, as empresas terão que, permanentemente, buscar a inovação para satisfazer e encantar o cliente para que ele retorne a comprar e torne-se um cliente com fidelidade.

Em suma, inovar sempre com produtos e serviços que tenham qualidade e é importante lembrar que essa qualidade seja percebida pelo cliente. Assim, marketing significa gerenciar os negócios tendo como principal foco: o cliente e não o produto, isto é, o cliente em primeiro lugar e depois o produto ou serviço. 

Mas, você sabe o que é necessidade? É aquilo que é indispensável e que não se pode deixar de ter. Por exemplo, todos nós necessitamos de alimentação, vestuário, habitação, transporte, educação, etc. Tudo isso são necessidades básicas. 

E o desejo qual será o seu significado? É uma aspiração, é uma expectativa de possuir ou alcançar algo. O desejo faz parte da natureza humana e é um dos motores que impulsionam a conduta humana. O homem que deseja algo se torna um sujeito ativo que o leva a diversas ações para satisfazer as suas vontades. 

Por exemplo, para as nossas locomoções dispomos de vários tipos de transportes, os nossos próprios carros, ônibus, táxi, etc. Essas são as nossas necessidades básicas de transporte. Porém, o nosso desejo é possuirmos o carro do ano que nos oferecem várias e novas tecnologias – inovação – para satisfazerem, além das necessidades, os desejos do nosso ego. 

Digamos que você esteja num local em que o seu aplicativo, para chamar táxi, não funcione e apareça um para você sem ar-condicionado e você, ainda, tem que aturar a música chata no rádio do taxista. Nesse caso como você não teve outra opção, foi obrigado a utilizar esse táxi, o qual lhe atendeu uma necessidade.

No entanto, claro que o seu desejo é que fosse um táxi que tivesse ar-condicionado, um bom som ao gosto do cliente, água, bombons, um celular a sua disposição, um livro ou uma revista etc.

Portanto, como já foi dito, o marketing tem por objetivo atender as necessidades e, principalmente, os desejos dos clientes; pois, é por meio da realização dos seus desejos que ele surpreenderá e encantará os clientes. Por isso, que o marketing é sensacional e um enorme diferencial competitivo para as empresas.

 

 

 

Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: desejos diferencial competitivo marketing necessidades Roberto Morais Batista

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração