Mais comentada

5 fatores para sua empresa aumentar a competitividade e os lucros com Big Data

O que as Redes Sociais fazem para alavancar o faturamento e que pode servir de inspiração para os gestores e as organizações? Como utilizar o Big Data para aproveitar as oportunidades detectadas e obter vantagem competitiva no mercado? Por que fazer isso não depende do tamanho da empresa? Leia agora a orientação que você precisa para usar desde já a tecnologia do século 21 e aumentar os seus resultados!

O que o Facebook faz para alavancar o faturamento e que pode servir de inspiração para os gestores e as organizações? Big Data, entenda melhor abaixo.

Não é novidade para você que o Facebook é uma rede com milhões de usuários e que cada um deles tem um timeline específico baseado nas características individuais de uso. Muito provavelmente você também é um usuário; se não for, conhece alguém que é. Em qualquer caso, cada página do Facebook curtida, cada envolvimento com posts (como “curtidas”, compartilhamentos, comentários), cada conteúdo publicado é registrado como um dado específico do usuário, dentre muitos outros dados que podem e são mapeados. Além disso, é só falar em Facebook e logo vem à baila o termo “algoritmos”, mas esses engenhos de alta complexidade que executam bilhões de tarefas em tempo real necessitam de insumos, nesse caso, dados.

Pergunta que se faz: como o Facebook proporciona melhor experiência para os usuários, prioriza e entrega os conteúdos mais relevantes de forma personalizada e consegue gerir um volume nunca antes imaginado de dados gerados dinamicamente? Uma boa resposta é: por meio de um processo computacional que descobre padrões em meio aos mais de 500 Terabytes gerados por aquela rede social a cada 24 horas! Esse processo chama-se Mineração de Dados. O nome utilizado para definir esses enormes e complexos conjuntos de dados é Big Data.

Em resumo:

Falar em Big Data é…
… definir um volume enorme de dados a serem processados, que devem ser analisados em tempo satisfatório e que têm uma variedade muito grande de diferentes tipos de dados utilizados e dispostos em forma caótica.

Falar em Mineração de Dados é…
… definir como se estabelecem processos computacionais para a descoberta de padrões em grandes conjuntos de dados.

Big Data e a Mineração de Dados são investimentos prioritários para as empresas que desejam aumentar a competitividade e os lucros no mundo do século 21. Dentre outros, os especialistas concordam com 5 fatores responsáveis por isso:

  1. Compreensão personalizada de clientes – O poder do Big Data e da Mineração de Dados permite que, assim como faz o Facebook, cada organização compreenda individualmente seus clientes.
  2. Insights sobre necessidades e futuras demandas – A análise dos dados gera informações que revelam necessidades atuais ou futuras. Com isso é possível desenvolver produtos e serviços que tenham a atratividade necessária para transformar aquela solução em desejo de consumo.
  3. Foco no cliente – O conhecimento das necessidades atuais e futuras do cliente permite o foco da organização em entregar produtos e serviços com o valor adequado ao que é esperado pelo consumidor, seja ele um indivíduo isolado, um segmento específico ou de massa.
  4. Ações mais eficazes de marketing e comunicação – Sabendo-se quais são as necessidades do cliente e como ele expressa essa demanda, o marketing e a comunicação da organização produz ações e mensagens relevantes e alinhadas e com melhor resultado no ROI.
  5. Diferencial competitivo – Seja qual for o porte das empresas, é possível utilizar as forças da organização para aproveitar as oportunidades detectadas e obter vantagem competitiva no mercado. Em análise oposta, quanto mais os concorrentes fizerem uso do Big Data e da Mineração de Dados, muito maior será a desvantagem da empresa que não investe nessas soluções.
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: Análise de Dados Big Data Mineração de Dados