Mais comentada

Comunicação interna com valor e propósito

De que vale ter a missão, visão e valores afixados na parede se não são sentidos e vivenciados pelas equipes?

O  grau de engajamento dos funcionários está diretamente relacionado à sensação de pertencimento que eles têm à cultura organizacional. Se produzimos conteúdos frios e técnicos, não teremos leitores envolvidos emocionalmente com campanhas e ações. Neste contexto, é importante falar em comunicação de valor. 

Ela é feita quando cada um dos textos e ações pensadas refletem a missão e visão da empresa, fazendo com que os colaboradores se identifiquem e motivem em projetos.

Uma comunicação plural, voltada para as necessidade do cotidiano e temas de interesse desperta vontade, não apenas de ler, mas também de compreender mais e melhor o universo e a cultura organizacional.

De que vale ter a missão, visão e valores afixados na parede se não são sentidos e vivenciados pelas equipes? Para ter uma comunicação com propósito, é preciso divulgar, de forma constante, cada um desses itens e ser capaz de estabelecer conexões emocionais com cada um daqueles que dedica oito ou mais horas diárias do bem mais precioso (sua vida) à empresa.

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(2)