Criatividade e inovação: qual a diferença?

Em alguns setores pode ser difícil falar sobre utilidade da criatividade. Mas ela precisa existir

Os termos "criatividade" e "inovação" são frequentemente usados como sinônimos. Porém, quão similares - ou diferentes - são eles? Conversei com minha colega Teresa Amabile, expert em inovação no ambiente de trabalho, para a minha série de vídeos chamada "Liderança: Uma Master Class". Aqui está a visão dela sobre a conexão entre esses termos comumente usados e o que eles significam para os negócios.

Tudo começa com criatividade

De acordo com Teresa, a criatividade é essencialmente responsável por todo o progresso humano. É uma força fenomenal. Talvez, por isso, alguns pensem na criatividade como um mistério. Mas elas não deveriam. A pesquisa sobre o assunto, feita durante os últimos 50 ou 60 anos, esclarece a forma como a criatividade acontece. Basicamente, a criatividade é a produção de qualquer coisa. Poderia ser uma ideia, um produto tangível, uma performance. O que é desenvolvido deve também ser diferente do que já foi feito antes, em algum aspecto. Criatividade no ambiente de trabalho deve, além disso, estar direcionada a algum objetivo ou significado específico.

Em alguns setores pode ser difícil falar sobre utilidade da criatividade. Por exemplo, qual o sentido de adequação quando se trata de artes visuais? Ali, adequação significa expressar algum sentido que o artista intencionou transmitir. Nos negócios, porém, a criatividade tem que "servir" para alguma coisa, funcionar de alguma maneira. Precisa contribuir para algum fim de valor mensurável.

A conexão incompreendida entre negócios e criatividade

A ligação entre criatividade e o sucesso dos negócios é muito importante, porém muitas vezes negligenciada. Empresários tendem a pensar no que fazem como sendo apenas muito organizado e estratégico. Claro que deve ser assim, mas negócios não têm como sobreviver e obter sucesso, especialmente sob as condições de competitividade atuais, sem inovação. E inovação depende da criatividade.

Criatividade é o primeiro passo de um processo que idealmente resultará em inovação. Criatividade é buscar ideias novas e úteis. Inovação é a implementação bem sucedida dessas ideias. Uma conexão interessante entre criatividade e inovação: você pode ter bastante criatividade em uma organização sem que haja muita inovação. Isso ocorre quando as pessoas não estão motivadas o suficiente, ou sistemas adequados para o florescimento da inovação não estão no lugar certo. Esses tipos de ambiente de trabalho apresentam dificuldades para ouvir ideias criativas, desenvolvê-las, permitir seu crescimento e descobrir como implementá-las com sucesso. Em outras palavras, não se pode ter inovação sem um mix saudável de criatividade na dianteira, e sistemas sólidos e bem ajustados, prontos para nutrir e manter a capacidade de invenção.

 

 

Avalie este artigo:
(4)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração