Desculpa se não te ouvi

Não existe hierarquia para o conhecimento! Ignorar qualquer opinião ou ideia é abrir mão de ver outros pontos de vista, de analisar novos cenários

Semana passada li um texto de Karl Moore, Ph.D. professor associado da Universidade McGill e associado da Green Templeton College, Universidade de Oxford. Estudioso da geração Y, também conhecida como millenial, Karl baseia seu texto numa citação antiga, atribuída ao ex-primeiro-ministro inglês Benjamin Disraeli: “Never complain, never explain, never apologise (Sic)” (literalmente, ‘nunca se queixe, nunca se explique, nunca se desculpe’).

Essa emblemática frase é aplicada até hoje em contextos distintos, mas gostaria de falar sobre o contexto empresarial - no estilo de gestão e na mudança do comportamento humano ao longo do tempo.

Pedir desculpas não é vergonha e, para essa nova geração, é fundamental. Se analisarmos o estilo de gestão de algumas décadas atrás, perceberemos claramente que o comportamento dos executivos era: quem manda sou eu! Faça o que eu mandar, na hora que eu mandar e do jeito que eu mandar!

A postura do “quem manda sou eu”, graças a Deus não se aplica mais a maioria das organizações. Digo graças a Deus porque o ganho é de todos!

Além de entender que bom senso e humildade não fazem mal a ninguém, o ganho vai além, pois aprendemos a ouvir melhor, quando ouvimos todos. Nossas decisões são mais assertivas, além de gerarem o envolvimento de todos. É a construção do conhecimento de forma mais abrangente que permite uma tomada de decisão mais estratégica, considerando o maior número de variáveis e pontos de vista, onde o resultado é do todo. E assim gera-se um ambiente mais criativo e participativo, onde todos se sentem parte do processo de crescimento do negócio. Consequentemente mais ideias surgirão, num ambiente que estimula a troca de experiências com liberdade de pensamento.

Somos seres humanos, repletos de falhas, e com certeza cometemos e cometeremos muitos erros, então por que não aprender com eles? Por que não se desculpar?

A geração Y precisa muito disso, entendem que o pedir desculpas, explicar as coisas e gerar significado para as ações fazem toda diferença.Essas pequenas atitudes ajudam a conquistar a confiança dos millenials.

São valores que essa geração prioriza e que acreditam ser a base dos relacionamentos: respeito e confiança.
Não existe hierarquia para o conhecimento!

Ignorar qualquer opinião ou ideia é abrir mão de ver outros pontos de vista, de analisar novos cenários. É abdicar de novas perspectivas e de oportunidades de conseguir melhores resultados.

Por isso, concluo esse texto pedindo desculpas a todos que deixei de responder rapidamente em algum e-mail, desculpas a todos que não pude ajudar, desculpas a quem não retornei uma ligação, enfim, desculpa se falhei.

Que em 2018 consigamos pedir desculpas sinceras quando errarmos!

Que consigamos explicar cada ação às nossas equipes gerando valor para execução das mesmas!

Que consigamos ouvir as opiniões e ideias das pessoas independente de cargo!

Que em 2018 consigamos ser melhores!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(1)
Tags: administração conhecimento geração Y gestão liderança pedir desculpas saber ouvir