Como os drones podem ser usados nos projetos de Construção Civil

Os gerentes de projeto também podem optar por usar scanners a laser 3D embarcados em drones que sobrevoam a área e fornecem imagens com alta qualidade. Esses dados são então usados em um processo chamado mapeamento GIS, que cria um mapa digital através de uma mistura de análise estatística e cartografia. Esses mapas têm uma definição muito alta e permitem a visualização de informações específicas sobre uma determinada área.

É possível utilizar drones para inspecionar rapidamente seu local de trabalho e construir mapas digitais. Substituindo recursos humanos, máquinas pesadas ou caros guindastes e plataformas por drones e sensores, você consegue fazer o mesmo trabalho na metade do tempo, investindo metade do dinheiro e com uma precisão muito maior.
É possível transmitir rapidamente os dados que estão recolhendo para um feed ao vivo ou armazenar os dados diretamente na nuvem.

Esse processo torna a tarefa de criar mapas de forma muito mais precisa e o fornecimento de dados estratégicos para várias empresas, muito mais fácil e prático. Os dados coletados podem ser carregados imediatamente para um servidor na nuvem, onde podem ser acessados por qualquer pessoa autorizada em qualquer lugar do mundo.

Os gerentes de projeto também podem optar por usar scanners a laser 3D embarcados em drones que sobrevoam a área e fornecem imagens com alta qualidade.
Esses dados são então usados em um processo chamado mapeamento GIS, que cria um mapa digital através de uma mistura de análise estatística e cartografia. Esses mapas têm uma definição muito alta e permitem a visualização de informações específicas sobre uma determinada área.

Veja como utilizar drones nos seus processos na Construção Civil:

Levantamento - Levantamentos aéreos e coleta de dados podem criar rapidamente modelos digitais que permitem que as equipes entendam melhor a viabilidade e se as soluções de design são viáveis. Esses modelos também são úteis nas reuniões de briefing com clientes, fornecendo uma amostra antecipada de como ficarão os projetos no estágio final.

Projeto – As imagens do canteiro de obras podem ser compartilhadas em tempo real mostrando as condições de trabalho no local. Quando houver dúvidas no projeto basta adicionar novos dados e compartilhar com a equipe responsável. Essa riqueza e agilidade dos dados mostra como é prático alterar o projeto em resposta às condições reais.

Construção - Uma vez que a construção está em andamento, os drones podem ajudar a monitorar o progresso, manter o controle sobre os materiais e equipamentos, melhorar a visão global do empreendimento e manter os locais seguros de acidentes. Os dados também fornecem uma trilha de auditoria útil caso surjam problemas.

Comunicação - A garantia de divulgação do produto final através de estratégias de marketing utilizando fotos e vídeos têm um papel importante no gerenciamento de comunicação, fornecendo informações precisas e reais do empreendimento.
Antes de assinar os contratos, uma equipe é capaz de coletar com um drone e obter uma grande quantidade de dados sobre as condições reais do negócio (Leia sobre Drone Marketing).

Qual drone utilizar no meu projeto?

Os drones possuem grandes variedades e tamanhos. Alguns possuem asa fixa, chamados de VANTs e outros utilizam hélices rotativas (três, quatro, cinco, seis ou oito).

As aeronaves de asa fixa exigem uma pista para decolagem muito parecida aos utilizadas para aviões civis. Já os de hélices rotativas são capazes de decolar e aterrissar verticalmente como os helicópteros. As aeronaves de asa fixa são mais adequadas para operar em grandes áreas, pois eles conseguem permanecer no ar por um tempo relativamente maior e transportar mais facilmente uma variedade de sensores. Os drones de asa fixa são relativamente mais caros.

As aeronaves de asa rotativa são mais adequadas para ações de inspeção ou vigilância realizando voos mais curtos e melhor operados.  Ao considerar um drone de asa fixa você precisa estar atento aos dispositivos que ele pode transportar, chamado de Payload como: câmeras, GPS e sensores térmicos e noturnos, e principalmente sua autonomia, ou seja, quanto tempo a aeronave consegue permanecer no ar com uma ou várias baterias.

Para incorporar drones na sua empresa, fale com a DronDrones Technologies.

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: cartografia construção construção civil drone drones engenharia mapeamento negócios ortofotos