Entenda o que é uma startup e conheça 4 dicas de como começar a testar um projeto

Sartup significa começar algo. É quando uma empresa, no início de suas atividades, explora e testa produtos e soluções inovadoras no mercado.

Presleyson Lima

Entenda o que é uma startup e conheça 4 dicas de como começar a testar um projeto

Startup significa começar algo. É quando uma empresa, no início de suas atividades, explora e testa produtos e soluções inovadoras no mercado.

Isso pode ser feito em qualquer área de atuação, mas o modelo de negócios deve ser escalável, ou seja, o produto ou a solução deve atender a um grande número de clientes. Um bom exemplo de negócio escalável é o Facebook, que com uma única plataforma atinge todos os usuários do planeta. Outro exemplo, esse nacional, é a Easy Taxi, que permite que com um aplicativo diversas pessoas solicitem um táxi pelo celular.

A ideia é testar a solução com o mínimo de recursos possível, assim você tem a certeza de que ela realmente é viável e que terá um público fiel antes de começar os investimentos mais pesados em marketing, propaganda e vendas.

Além disso, apesar do sucesso de algumas startups, o empreendedor que quiser testar um novo modelo de negócios deve sempre considerar que ele pode não ser rentável e portanto, em algum momento talvez ele tenha que ser abortado para dar espaço a um novo modelo. Vamos falar mais sobre isso nesse artigo.

Mas você já sabe tudo sobre startup? Sabe quando as primeiras começaram a atuar? Sabe quais são as nossas referências dentro desse modelo?

Popularizado em 1990, o termo “startup” teve início quando empreendedores com ideias inovadoras e promissoras, principalmente relacionadas à tecnologia, começaram a encontrar oportunidades de financiamento dos seus projetos, muito sustentáveis e lucrativos.

Foi nesse período que grandes startups estavam começando a surgir no Vale do Silício, região da Califórnia famosa por agregar empresas promissoras de tecnologia. Além do já mencionado Facebook, o Google, a Apple e a Microsoft também estão nessa lista.

Todas essas empresas eram apenas startups com ideias inovadoras, que foram testadas, muito bem recebidas pelo público e que hoje se tornaram as grandes corporações conhecidas por todos nós.

A seguir te daremos 4 dicas do que precisa ser feito para testar sua ideia dentro do modelo de startup.  

1 - Coloque sua ideia em prática

Teve a ideia? Então “mão na massa”! Isso significa que se você realmente entende que sua ideia é inovadora, ao invés de perder tempo pensando sobre ela, comece a testá-la.
Teste com amigos e colegas próximos e busque indicações de pessoas e empresas que eventualmente precisem da sua solução. Não cobre nada, apenas peça que testem a ferramenta ou produto para você entender se a ideia é realmente escalável.

Em seguida solicite os feedbacks a essas pessoas. Quanto mais feedbacks, mais você entenderá se o seu negócio é rentável e mais você conseguirá fazer as reformulações e os ajustes necessários para que ele atenda as necessidades das pessoas.

2 - Procure inovar

O conceito de uma startup é a inovação, é testar uma ideia e solução diferentes de qualquer outra.

Pegar uma ideia que já existe no mercado e criar apenas uma nova empresa dessa solução não requer testes porque o modelo já é utilizado.

Você pode sim ter uma solução que já existe e se é isso que quer, vá em frente, mas nesse caso você não teria uma startup.

3 - Tenha uma ideia simples, mas eficaz

Um solução extremamente complexa provavelmente precisará de muito dinheiro para ser executada. Pense simples, mas de forma estratégica.

Considere que sua solução deve resolver os problemas das pessoas, ou seja, ela deve levar comodidade, conforto, agilidade e facilidade aos consumidores. Isso é o suficiente para que ela seja promissora.

Quanto mais simples, menos despesas, e é esse o conceito da startup: utilizar o mínimo de recursos possível para testar sua solução.

4 - Confronte sua ideia e seja aberto aos feedbacks

Lembre-se que você está apenas testando a solução, que pode dar muito certo e ser muito bem aceita, ou pode ser rejeitada.

Procure sempre confrontar e evite ter apego a essa ideia. Seja totalmente imparcial e neutro quando começar a pegar os feedbacks. São eles que vão mostrar se vale ou não a pena colocar a solução em prática. Se não for, ótimo, assim você pode pensar em algo muito melhor.

Os feedbacks são muito valiosos porque te darão a base para você avançar com a ideia ou fazer todas as reformulações para que ela se adeque ao público.

Afinal, se ela não for rentável, você não terá sucesso e talvez tenha que reajustá-la ou até mudar totalmente o foco para realmente ter resultados. Para isso você deve ser um empreendedor aberto e flexível às mudanças.

Um grande abraço,

Presleyson Lima
contato@presleyson.com.br
www.presleyson.com.br

Café com ADM

Café com ADM

#55
Authentic Games: lições de sucesso de um youtuber
Neste episódio, Leandro Vieira conversa com Marco Túlio, criador do canal Authentic Games, um fenômeno do Youtube com mais de 11 milhões de inscritos.
Café com ADM #55 Authentic Games: lições de sucesso de um youtuber
00:00 00:00
Confira outros episódios


Administradores
Administradores

O login deve conter apenas "letras" (minúsculas), "números" e "_". Ele será usado para lhe identificar no seu perfil.

Entre com a sua conta

Administradores
Administradores

Torne-se um Administrador
Premium por apenas
R$ 29,90 mensais

Ou cadastre-se com: