5 coisas que pessoas de sucesso nunca fazem

E por que você também não deve fazê-las

Redação, Administradores.com,
Thinkstock
"Uma das qualidades mais importantes é a capacidade de dominar as emoções e permanecer calmo sob pressão"

Muitos podem ser os fatores que determinam o sucesso de alguém. Pesquisadores não cansam de produzir estudos visando determinar os diferenciais dos bem sucedidos, e a cada dia apontam esta ou aquela característica como a mais marcante nessas pessoas. Uma das qualidades mais importantes, e que tem sido cada vez mais valorizada, é a capacidade de dominar as emoções e permanecer calmo sob pressão, segundo Travis Bradberry, co-autor do livro "Inteligência Emocional 2.0".

Na empresa TalentSmart, da qual Bradberry é presidente, foram testadas mais de um milhão de pessoas, e os resultados mostraram que a grande maioria dos profissionais e executivos de alta perfomance eram pessoas com níveis altos de inteligência emocional. O site Business Insider elencou alguns dos comportamentos característicos de quem tem demonstra grande inteligência emocional, na visão de Travis Bradberry. Aqui estão cinco deles:

1. Não viver no passado

Pessoas inteligentes emocionalmente sabem que o sucesso tem a ver com crescer diante dos desafios e isso não pode ser feito remoendo o passado. Bradberry diz que qualquer coisa que vale a pena alcançar vai exigir que você se arrisque, e não é possível fazer isso sem superar erros do passado. Fracassos anteriores não podem diminuir a crença na sua capacidade de seguir em frente.

2. Não guardar ressentimentos

Bradberry afirma que o estado emocional de alguém pode ser determinado de acordo com o foco da atenção dessa pessoa. O foco dos inteligentes emocionalmente não será nos problemas enfrentados ou em sentimentos negativos, mas em como melhorar a si próprios. Esse tipo de atitude produz sentimentos e emoções positivas, e gera melhora no desempenho profisisonal. Bradberry diz ainda que o fato de não reviver brigas e guardar ressentimentos evita o contato o estresse que o corpo humano sente ao lidar com conflitos, por isso os inteligentes emocionalmente evitam esse tipo de comportamento.

3. Não priorizar a perfeição

Pessoas de sucesso sabem que a perfeição não existe, por isso não a colocam como alvo. "Seres humanos, pela nossa própria natureza, são falíveis", diz Bradberry. Se a perfeição é o objetivo de alguém, essa pessoa sempre estará em contato com um certo senso de fracasso, já que é impossível ser perfeito. Esse comportamento impede a percepção das conquistas alcançadas ou até mesmo sua desvalorização.

4. Não conviver com negatividade

Pessoas que reclamam o tempo todo ou sempre fazem comentários negativos são tóxicas. Elas esperam pena e empatia, ao invés de investirem seu tempo e energia em soluções para os problemas. O conselho de Bradberry não é deixar de ouvir ou de dar atenção a alguém que precise. É apenas tentar evitar ou se distanciar de energias negativas constantes.

5. Não dizer sim o tempo todo

Pesquisas mostram que quanto maior a dificuldade de alguém para dizer "não", maior a probabilidade de essa pessoa sentir estresse, fadiga e depressão, segundo Bradberry. Ele afirma que dizer "não" é um grande desafio para a maioria das pessoas. Mas os inteligentes emocionalmente não enrolam na hora de fazer isso.

De acordo com Bradberry, os bem sucedidos geralmente são diretos, e evitam frases evasivas, deixando claro se realmente não puderem responder positivamente ao pedido. Dizer não a alguém, evitando um compromisso a mais, é uma forma de honrar os compromissos que você já tem, o que aumenta as chances de alcançar sucesso no desenvolvimento deles.




Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração