Mais comentada

Educação: a chave para uma carreira internacional

Para quem deseja ir além das fronteiras e ser bem sucedido, a educação formal precede a experiência

FGV EAESP, Publieditorial,
istock

A tecnologia e a globalização permitiram o acesso a uma carreira internacional mesmo para quem trabalha em home office. Mas, para quem deseja ir além das fronteiras para prospectar e atender clientes de outras culturas, assumir postos de liderança e atuar à frente de equipes multiétnicas, a educação formal precede a experiência.

Cada país tem usos e costumes diferentes no que se refere aos trabalho, à gestão e à maneira de fazer negócios. Entender essas peculiaridades é fundamental para profissionais de administração que atuam em empresas globais. Nesse contexto, é necessário aprender de forma rápida para não sofrer com os custos de oportunidades perdidas.

O aprendizado intensivo e especializado foi a opção do consultor Leonardo Bernini. Mesmo com experiência de trabalho em mercados altamente competitivos como China e Estados Unidos, ele passou por um dos cursos com foco internacional da Escola de Administração de Empresas de São Paulo (FGV EAESP).

"Os cursos do mestrado internacional da FGV são cursos com conteúdo customizado para o Brasil. Essa customização do conteúdo realmente consegue te ajudar no seu dia a dia de trabalho, para ter uma perspectiva mais justa sobre o contexto econômico e de gestão de empresas na América do Sul", explica o consultor.

Um dos cursos com foco internacional oferecidos pela instituição é o OneMBA, voltado para profissionais com experiência de mercado. O curso tem um currículo flexível e oferece até quatro residências no exterior ao longo de 21 meses.

"Meu trabalho é global, eu lido com empresas do mundo inteiro, sei as diferenças entre Brasil e Estados Unidos. Então esse curso internacional aqui no Brasil me permitiu contextualizar muito melhor meu trabalho e me adaptar às empresas locais".

Já profissionais que estão se desenvolvendo e buscando as primeiras oportunidades no mercado, o Mestrado Profissional em Gestão Internacional oferece duas modalidades de formação (regular e intensiva), além de garantir uma visão ampla do mercado global.

Em todos os casos, os estudantes têm a oportunidade de desfrutar de todas as vantagens de um curso de renome internacional, como o networking com profissionais de todo o mundo — o que abre um amplo horizonte para busca de novas oportunidades.

"É uma referência mundial no estudo de Administração de Empresas. Depois da FGV, estudei na China, na Suíça, e todo mundo conhecia a EAESP. Depois disso, foi muito fácil buscar trabalho", conta o consultor.

Confira abaixo o depoimento em vídeo do consultor e ex-aluno da EAESP Leonardo Bernini.