Indústria 4.0: a revolução passa pela Qualidade Total Assegurada

Um mundo novo de tecnologia está emergindo, em uma revolução que torna necessária a atualização de conceitos antigos

Thiago Doretto , Administradores.com,
iStock

Muito se discute acerca da chegada da Indústria 4.0 ao Brasil. Essas discussões são fundamentais e concentram-se especialmente em aspectos relacionados à estrutura (e à vontade) necessária para a ampliação das ainda tímidas iniciativas no setor. No entanto, há outro fator a ser considerado quando se fala da chamada Quarta Revolução Industrial: o papel da qualidade.

Utilizando tecnologia inteligente, a Indústria 4.0 fez nascer uma nova lógica de produção. Nesse contexto, a automação resultante da união de Internet das Coisas (IoT), Machine-to-Machine (M2M), robótica, Inteligência Artificial (AI) e sistemas ciber-físicos já está revolucionando a manufatura como há muito não se via. Esses avanços levam a indústria ao universo wireless (sem fios), melhorando a comunicação e a reunião de informações, reduzindo custos e possibilitando melhores tomadas de decisões. Como resultado, observaremos a produção em larga escala cada vez mais ágil e eficiente.

Contudo, para se estabelecer efetivamente, além de estrutura e investimento, a integração digital da cadeia produtiva necessita de Qualidade Total Assegurada, assim como acontece com a indústria tradicional. Esses procedimentos garantem melhor eficiência e usabilidade para o usuário final, assegurando que a plataforma usada seja a melhor interface para comunicação entre as máquinas.

Evidentemente, problemas como falhas de transmissão na comunicação M2M, ou até mesmo eventuais dificuldades no sistema, podem causar transtornos na produção. Toda conectividade envolvida demanda uma expertise e com ela a necessidade de atestar que o processo esteja em pleno funcionamento. A Qualidade Total Assegurada tem o fundamental papel de viabilizar que esses procedimentos ocorram de maneira segura e com a menor estimativa de erro possível.

Líder global do setor de testes e certificações, a Intertek participa dessa evolução atuando com uma vasta gama de soluções, como: testes de performance (eficiência energética, interoperabilidade, benchmark, resistência, precisão de censores, experiência de usuário, failure mode e verificação de design); Wireless (Zigbee, Z-Wave, Bluetooth, Wi-Fi, LPWA – NB-IoT, 802.11, LTE, NFC, RFID, Qi Charging); Software (Cibersegurança, análise de Data-flow, política de usuário e App testing e compatibilidade de plataformas); conformidade (certificados ROHS, FCC e EMC, instalações, acesso ao mercado global); análise de Malware; cursos de treinamento em Cibersegurança (ISO 27000); entre várias outras.

Um mundo novo de tecnologia está emergindo, em uma revolução que torna necessária a atualização de conceitos antigos. Todos os serviços de certificação e inspeções deverão se adaptar a essa nova realidade, garantindo a sustentabilidade, eficiência e segurança que são imprescindíveis para a indústria.

Thiago Doretto — Country Business Line Leader – Electrical da Intertek Brasil (falecom@intertek.com)