Empreendedores brasileiros lançam "Uber de logística"

O aplicativo já tem 1100 pessoas cadastradas e opera em 4 cidades brasileiras

Redação, Administradores.com,
Divulgação

Uma startup brasileira, sediada em Belo Horizonte (MG), chegou no mercado brasileiro para aumentar ainda mais as discussões sobre economia criativa. A Shippify atua no mercado de transportes, assim como a conhecida Uber, mas com entrega de mercadorias.

Qualquer pessoa que possua um meio de transporte pode se cadastrar no aplicativo e começar a realizar entregas pela cidade. A empresa já atua em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba e em Belo Horizonte, proporcionando ao comércio local um serviço de entrega que leva os produtos em um prazo de 24 horas.

“Nós queremos trazer o conceito de consumo colaborativo para a logística e utilizar os recursos que já existem na comunidade”, disse o gerente de operações da Shippify, Lucas Grossi.

Apesar de semelhante com o Uber, Grossi ressalta que a Shippify não exclui nenhum meio de transporte. "A grande diferença é que nós não excluímos ninguém, bicicletas, motoboys, pessoas que estão indo para o trabalho de carro, empresas de frete, todos podem participar e fazer fretes", fala em entrevista para o Estadão PME.

O serviço de transporte custa entre R$ 8 e R$ 17, dependendo do volume de mercadorias e a distância que será percorrida pelo entregador. Hoje, a startup já possui cerca de 1100 pessoas cadastradas no aplicativo que prestam serviço para as 75 empresas que possuem contrato com a Shippify.