Meu negócio precisa ter um site?

Canal próprio é fundamental para o controle da audiência e presença nos buscadores

Publieditorial,
iStock

Se você tem uma empresa ou está iniciando um negócio, provavelmente já deve ter se perguntado se o seu empreendimento precisa ter um site. E a verdade é que se você chegou a uma conclusão negativa, sua análise foi errada. No mundo dos negócios, ter importância na internet é imprescindível. Não importa se é para uma grande ou pequena empresa, se você é um profissional liberal, se está investindo em uma carreira de freelancer: estar na internet, disponível e acessível, é essencial para o crescimento. E isso vale também para os negócios que são completamente offline.

O mundo está cada vez mais conectado e a internet já virou parte do cotidiano. Quando o consumidor está em busca de um serviço ou produto, ele não recorre a um catálogo ou lista telefônica impressa, e sim a uma pesquisa online que forneça todos os dados que precisa. Por isso, possuir um site profissional deixou de ser uma opção e já se tornou regra para todas as empresas. E é possível montar sua página sem muitas complicações, não importa sua área de atuação. Se o seu negócio for do ramo digital, que gera muito tráfego e necessita de ações específicas como vendas e muitos conteúdos, é provável que precise de uma estrutura robusta. Mas quem está iniciando pode ter um bom site de forma simples e barata. Elaboramos algumas dicas para quem deseja criar seu próprio site:

1. Registre o seu domínio

A primeira coisa a se fazer é registrar o seu domínio na internet. Seja criativo, mas tente manter seu domínio o mais curto possível: ter menos caracteres vai fazer com que as pessoas tenham mais facilidade em lembrar ou digitar a URL. Se você estiver procurando por algo em especial, talvez o seu domínio já esteja registrado e seja mais trabalhoso para comprá-lo, mas para iniciantes uma forma simples de fazer o registro é usar sites como Registro.br ou Godaddy.

2. Use uma boa ferramenta de criação de sites

Para promover o seu negócio, mostrar seu talento, criar uma loja virtual ou apenas testar novas ideias, faça questão de usar uma boa ferramenta de criação de sites. O Wix é uma ótima opção. Ele é um construtor de site que tem tudo que você precisa para criar um site gratuito de alta qualidade e totalmente personalizado. Nele, é possível criar site grátis original e que reflete você ou sua marca.

A ferramenta cuida de toda a parte técnica para garantir uma experiência seja simples, agradável e sem códigos complicados, com uma plataforma de criação de sites do tipo "arrasta e solta", que permite que você personalize facilmente o seu site sem limites à sua criatividade. Com ela, basta escolher um template e fazer as alterações que desejar, adicionando seu texto, imagens e vídeos, sem qualquer tipo de programação.Além disso, o Wix oferece recursos em HTML5, mais de 500 opções de templates prontos, hospedagem profissional grátis e segura, acervo de imagens com mais de quarenta galerias com fotos em alta resolução, otimização para dispositivos móveis, apps inovadores e muito mais.

3. Aproveite as redes sociais para gerar tráfego

Seu site precisará de tráfego. A quantidade de cliques, leitores e, consequentemente, leads e clientes é essencial para a manutenção de sites e plataformas. Por isso, gerar cada vez mais tráfego é primordial. E uma das melhores maneiras de divulgar uma página é repassá-la através das redes sociais. Facebook, Twitter, Instagram, Google Plus, LinkedIn. Use-as! Em todas elas, o uso de hashtags é possível e usado para localizar conteúdos específicos. Transforme as palavras-chave do seu site em hashtags e divulgue nas redes sociais. Vale também fazer uso de links encurtados, que cabem mais nas postagens e evitam o desperdício de informações, algo que afasta usuários.

4. Invista no SEO

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, expressão que, traduzida, significa otimização para mecanismos de busca. O SEO é uma reunião de várias técnicas e práticas que têm como fim tornar os sites mais relevantes para os buscadores. Como, hoje em dia, os buscadores são responsáveis por cerca de 50% do tráfego na internet, é importante estar bem ranqueado nesses sites para que sua página seja sempre encontrada nas buscas. Estude técnicas de SEO para gerar mais tráfego para o seu site. Mas saiba: uma boa estratégia de SEO atua, basicamente, com programação e conteúdo. Na estrutura do seu site, utilize tags e metatags, tenha uma navegação rápida e atraente, sem links quebrados e elementos demais. Além disso, tente manter uma certa frequência de atualização, alinhada com sua proposta, utilizando termos que ajudem os motores de buscas a identificar as páginas corretas para quem busca. Se sua empresa vende artigos para festas, por exemplo, seu site precisará conter conteúdos com termos relacionados a essa área, como “bolo”, “casamento”, “festa”, “docinhos”, “DJ” e “recepção”.




Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração