Startup ajuda consumidores que buscam indenizações por problemas em passagens aéreas

Você já teve problemas com cancelamentos, atrasos ou bagagens extraviadas? Conheça a NãoVoei.com

Publieditorial,
istock

Quem viaja muito de avião, seja em viagens profissionais ou pessoais, já sabe: o processo pode trazer muitas dores de cabeça. Não é raro programar uma viagem, aguardar ansiosamente a chegada dela e, em cima da hora, descobrir que seu voo foi cancelado ou atrasado por parte das companhias aéreas. Ou, quem sabe, ser informado que o seu voo teve overbooking ou que você terá que lidar com o problema de malas extraviadas.

Muitas vezes, mesmo quando a situação é resolvida, o consumidor sai do processo com a viagem comprometida ou com a experiência de uma situação embaraçosa por causa desses problemas, como perder diária de hotel, perder passeios, perder compromissos importantes. Entretanto, é possível entrar com uma ação judicial contra a companhia aérea e ser recompensado pelos problemas enfrentados. E uma startup tem atuado no mercado para ajudar nessa missão: a NãoVoei.com.

Dentre vários serviços que buscam ajudar o passageiro que foi lesado, o do NãoVoei.com é um dos mais completos. A empresa, que está há mais de 2 anos, já auxiliou mais de 1.500 passageiros. Tudo de forma gratuita.

O site possui uma calculadora que permite que o passageiro saiba, na hora, se o seu caso é indenizável. Caso seja, o site conecta os passageiros com uma rede especializada de advogados que elaboram o processo para entrar com a ação.

Quando o consumidor lesado recebe a indenização na justiça, é pago um valor de 30% do valor indenizado. O mais bacana é que o passageiro apenas envia os documentos e eles cuidam de todo o processo. Caso não exista indenização, o startup não cobra nada.

O ticket médio da indenização por problemas nas passagens aéreas é de R$ 6 mil reais e, hoje, a NãoVoei.com está conseguindo ter sucesso em 99,5% dos casos, justamente por serem especialistas nesse tipo de processo. Entre os serviços cobertos em uma ação contra as companhias aéreas estão:

- Voos atrasados
- Voos cancelados
- Overbooking
- Extravio de bagagem

Por isso, se você passou por uma das situações acima, acesse o site da Não Voei e faça uma simulação gratuita. Caso sua situação não seja indenizável, você não perde nada com isso. Clique aqui para conhecer a calculadora da Não Voei!