Mais comentada

Hasbro anuncia Monopoly Cheater, onde a trapaça é regra

Corolário de condutas suspeitas inclui fraudar empréstimos bancários, pular espaços obrigatórios no tabuleiro e não pagar o aluguel

Redação, Administradores.com,
Divulgação

Se você gosta de passar a perna nos demais jogadores no Monopoly, a Hasbro anunciou uma nova edição do jogo que vai lhe interessar. Entre setembro e outubro, chegará às lojas o Monopoly Cheater, onde trapacear não apenas é permitido, como estimulado.

O corolário de trapaças inclui fraudar empréstimos bancários, pular espaços obrigatórios no tabuleiro e não pagar o aluguel. Se o jogador for impecavelmente desonesto, será recompensado com dinheiro e propriedades. Mas há o risco de enfrentar o rigor da Lei e ser literalmente algemado, se não tiver sorte.

A edição especial inclui algemas de plástico e 15 cartas de trapaça para completar a diversão. "Um estudo recente conduzido pela Hasbro revelou que quase metade dos jogadores tentam trapacear durante as partidas de Monopoly", disse o VP de Marketing da Hasbro, Jonathan Berkowitz, ao Business Insider. "Portanto, em 2018, decidimos dar aos fãs o que eles tanto queriam", conta.

O objetivo do jogo é o mesmo: ser o jogador mais endinheirado. As regras exclusivas preveem que cinco cartas de trapaça, às quais os jogadores podem recorrer durante seu turno, devem ser posicionadas no meio do tabuleiro. As cartas virão com tarefas pouco honrosas para que o jogador cumpra ao longo do jogo. De acordo com o Business Insider, algumas das trapaças são:

  • Roubar dinheiro do banco;
  • Posicionar um hotel em uma de suas propriedades;
  • Remover um hotel da propriedade de outro jogador;
  • Tomar US$ 100 adicionais do banco;
  • Mover a peça de outro jogador ao invés da própria;
  • Pagar menos do que deve.

Em cada carta estão listadas as recompensas e punições para cada movimento suspeito. "Pela primeira vez na história do Monopoly, não haverá um banqueiro designado. Cada jogador controla o banco em seu turno e passa para o próximo jogador quando seu turno acaba, facilitando a execução das trapaças", afirmou Berkowitz.

A edição Monopoly Cheater chegará às lojas entre setembro e outubro ao preço sugerido de US$ 20 e é recomendada para jogadores a partir dos 8 anos de idade. Os preços para o Brasil ainda não foram divulgados pela Hasbro.