Benedicto Ismael Camargo Dutra

São Paulo / SP
  • Cotidiano -
    O que temos de avanços no mundo de hoje é quase nada, comparado com o progresso real que a espécie humana deveria produzir no planeta.
  • Cotidiano -
    Quando o mercado permite abusos, abre-se espaço aos populistas despreparados e desatentos.
  • Dinheiro -
    Por décadas tem sido apregoada a importância do livre mercado como o regulador da economia.
  • Cotidiano -
    No mundo de hoje, o populismo e a barbárie novamente caminham lado a lado. Os valores vão sendo perdidos sem que haja quem os defenda. Nada mais é sagrado e não há pudor em muitas ações humanas nocivas que estão sendo observadas praticamente sem causar choques.
  • Cotidiano -
    Dia a dia o Brasil foi fortalecendo as instituições visando interesses particulares e fins egoísticos, enquanto o país ia sendo desconstruído. Estamos numa grande enrascada.
  • Cotidiano -
    O mundo vive o desequilíbrio global na natureza, na economia e finanças, e na forma como os humanos encaram a vida; uma importante fase da evolução, mas que sem alvos enobrecedores do aprimoramento da espécie humana, passou a ser uma luta pela sobrevivência na disputa das riquezas.
  • Cotidiano -
    Enfrentamos a nova realidade gerada pelo materialismo. Os aspectos econômicos e financeiros se impõem acima de tudo o mais. O mundo e o imaginário das pessoas estão mudando.
  • Cotidiano -
  • Cotidiano -
    Permitimos o fortalecimento de um sistema terrível em que o dinheiro público é malgasto e desviado, acima do disponível, o que exige mais empréstimos e choque de juros que paralisa tudo para que a dívida não se torne impagável.
  • Cotidiano -
1-10 de 187