3 sintomas de que é hora de mudar seu estilo de vida

Apresentamos aqui 3 sinais indicando que sim, está no momento de você dar uma pausa e redefinir um pouco as coisas

iStock

Seria uma grande mentira e o seu nariz cresceria muito se você falasse que nunca parou e pensou: “Será que eu preciso mudar o jeito que vivo?”.

Não tem como, essa é uma das perguntas típicas que o nosso cérebro faz de tempos em tempos, junto com: “Estou fazendo algo realmente significativo? Eu tenho amor verdadeiro próximo a mim? Será que poderia estar melhor?”.

A mente é insatisfeita por natureza, mas você pode usar isso com um princípio de evolução, de forma que se esteja crescendo e experimentando sempre, bem Free LifeStyle mesmo...

Mas, voltamos à primeira pergunta. Ela é uma das mais intensas e causadora de impactos pesados na nossa vida, porém, muitas vezes ficamos desarmados sobre tomar uma atitude ou não. Apresentamos aqui 3 sinais indicando que sim, está no momento de você dar uma pausa e redefinir um pouco as coisas:

Mente pesada – É um sentimento estranho, quase uma dor de cabeça, pois é como se ela estivesse cheia, volumosa, com um peso além do normal. Você pode tomar uma aspirina, mas em breve ela volta. Você pode beber algo e quando os efeitos do álcool e da ressaca passarem (dependendo de quanto bebeu), ela estará lá.

Quando temos um problema, seu pensamento fica incomodado por ele, mas quando é o estilo de vida, a sensação é essa, você não consegue identificar exatamente o motivo de a sua mente estar pesada e o incômodo é indecifrável (pelo menos até então rsrs).

Falta sentido – As coisas que você faz começam a não ter mais a mesma graça e propósito. Perceba que é diferente de você estar fazendo algo, sentir que é difícil, mas ainda assim sentir que o esforço é válido, que o suor tem uma direção e que existe aquela ambição para resolver algo.

Quando é tempo de repensar, fica difícil de entender que aquilo que fazemos realmente é algo significativo. Às vezes nos questionarmos é normal, porém, logo encontramos as respostas e a inspiração e segue o baile. Mas quando as respostas que tínhamos já não servem mais e não acreditamos que existe uma real contribuição... esse é um dos grandes sintomas.

Você evita o seu tempo – Essa é a mais estranha e difícil de constatar. Você normalmente não se dá conta fácil, é mais natural algum amigo lhe falar, mas se você estiver realmente disposto a uma evolução, será crítico consigo mesmo. “Será que estou ficando ocupado por estar com medo do tempo para mim mesmo ou para com as pessoas que adoro?”.

Como falei, é difícil aceitar e ver que isso acontece, mas acontece e muito. As pessoas se enchem de trabalho e atividades desnecessárias com medo de parar e ter um tempo para si. Respirar, meditar, dar uma caminhada, apenas para curtir o momento. Não é só a síndrome de estar conectado porque algo pode estar acontecendo, mas é o medo de se encontrar sozinho.

É pensar que está indo para um rancho sem internet por um dia, poder fazer apenas caminhadas e coisas tranquilas e ficar com medo, exatamente essa palavra, não do tédio, mas de algo que pode perceber: você está vazio.

Estas três são situações que mostram que você precisa realmente parar e reavaliar. Fazer uma viagem mais longa, conversar com um profissional de Coaching, psicólogo ou psiquiatra, buscar suas raízes e perceber quais são os valores que você continua preservando e quais coisas se tornarão mais importantes para você.

Todo Free LifeStyle entende que o estilo de vida busca a liberdade de ser um novo eu, conforme o tempo passa, e isso é normal; o anormal é ficar preso a algo que não está mais lhe fazendo bem. Se mudar não fosse bom, não teríamos escolhas.

Avalie este artigo:
(7)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração