Mais comentada

Bem vindo a 2019! Seja a mudança e a inovação que você quer

A vida não tem ensaio, é uma contínua estreia: este é um dos mantras que adotei ao longo da vida e me motiva nos 365 dias do ano. Com o início de um novo ano, muitas promessas e expectativas rondam nossos pensamentos. No início de um novo ciclo, uma nova era, acredito que todos nós temos algo em comum: aquela vontade de fazer diferente e fazer melhor do que fizemos.

É fundamental enxergar este novo ano como uma nova chance de alcançar tudo aquilo que se deseja e para isto, é preciso estar antenado às constantes transformações pessoais, profissionais e sociais que estão por vir.

Então, minha dica para você que quer arrasar em 2019 e iniciar o ano com força total é: não resista às mudanças. Se entregue a elas e siga em frente!

A civilização sofrerá acentuadas transformações com os avanços tecnológicos e resistir às mudanças e às inovações pode significar um abismo competitivo na sociedade contemporânea

Ressignificar os desafios, dar novo sentido aos eventos que ocorrem em nossa vida e, se necessário, abandonar determinadas ideias quando descobrimos que elas não fazem mais sentido, faz parte do repertório de empreendedor que entende a importância da sua marca, seja ela jurídica ou pessoal. O meio em que vivemos pode ser um celeiro de conhecimento e oportunidades empreendedoras. O desafio para que isso aconteça é ampliar a visão e encarar o novo como possibilidade transformadora, sem julgamentos, críticas ou comparações. Essas atitudes fazem parte do repertório de quem sabe gerenciar suas escolhas para conquistar novos territórios.

“Seja a mudança que você quer no mundo”, assim dizia Dalai Lama. Mudar nem sempre é uma coisa fácil, mas nunca foi tão necessário se manter atento às mudanças ou mesmo provocá-las. Em geral as pessoas detestam mudar, no entanto, é a única coisa que nos faz progredir. Observo três grupos de pessoas que adotam comportamentos distintos quando o assunto é inovar, sair da zona de conforto e atirar-se no desconhecido. Isso não define ser um grupo melhor ou menos favorecido que outro, mas certamente o resultado de cada um dos comportamentos nos faz perceber qual é o melhor posicionamento.

Anestesiado: Este grupo acolhe pessoas que levam a vida como se nada mudasse ao seu redor. Vivem como que hipnotizadas. Os filhos cresceram, a carreira está praticamente em extinção, a empresa faliu, as exigências de mercado evoluíram, o estilo ficou antiquado e tudo está bom. Convivem com expectativas irreais e geralmente reagem com surpresa e indignação quando se dão conta de que o tempo passou, as coisas mudaram e sua vida está em completa defasagem.

Aqui estão as pessoas que anteveem a mudança, planejam e mudam o que é necessário, mesmo que suas decisões gerem algum desconforto. Elas entendem que sair da zona de conforto pode até ser difícil, mas manter-se acomodado pode gerar consequências devastadoras, talvez irreparáveis. Aqui se encaixam, por exemplo, aqueles profissionais que atingiram determinado patamar na carreira, mas, ainda que estejam satisfeitos na organização ou com os projetos que desenvolvem, mantêm-se atentos aos cenários e constantemente buscam reciclar, ampliar ou aperfeiçoar seus conhecimentos e experiências.

Neste grupo estão os empreendedores, inovadores e ousados. Pessoas que estão sempre prontas a tornar real uma ideia, mesmo que esta desafie o status quo. Vislumbram, em meio a uma aparente mesmice, algo que fuja do convencional, que proponha novos rumos, alterações de conceitos, quebra de paradigmas. Têm em mente que o impossível é apenas algo ainda não realizado e não têm receio de correr riscos. Aliás, desafiam o desconhecido. Estão sempre preocupados em melhorar as habilidades menos desenvolvidas e se aprimorar nas mais fortes. O que diferencia o empreendedor das outras pessoas é a maneira de como percebe a mudança e lida com as oportunidades tendo iniciativa para gerar um novo projeto ou negócio, assumindo riscos calculados, criando sempre valor para a sociedade.

Conte comigo para fazer deste ano o melhor de sua vida! Juntos somos mais poderosos!

 

 

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: anonovo artigo autoconhecimento inovacao leilanavarro metas motivacao palestranteleilanavarro planejamento sonhos