10 características imprescindíveis em grandes líderes

Além de mostrar resultados e ser um profissional engajado, para ser um bom líder é preciso ter qualidades específicas. Conheça 10 caraterísticas

Ter habilidade de liderança empresarial é um fator muito importante para que os chefes de equipe consigam guiar seus profissionais, para que eles se sintam motivados e entreguem seus melhores resultados.

Os gestores estão assumindo novas formas de atuação para que de fato se tornem grandes líderes. O líder do futuro é aquele que possui ênfase em suas competências e comportamentos definidos a partir da organização e suas estratégias. Nesse sentido as competências para a liderança do futuro é ter uma visão ampla do negócio, saber gerenciar complexidade e mudanças, desenvolver a si mesmo e aos outros, ter alinhamento emocional e focar nos resultados.

O líder é uma pessoa que ocupa uma posição dominante ou superior em seu campo, e é capaz de exercer um alto grau de controle ou influência sobre os outros. 

A diferença entre um líder e um chefe

O chefe é a pessoa que ocupa o cargo que foi designado por alguém. Ele tem tendência a ser autoritário, comandar pessoas e distribuir ordens, sempre visando lucros e resultados. Geralmente, o chefe não pensa no bem-estar coletivo, ele enxerga os funcionários abaixo da cadeia da instituição e como pessoas que devem seguir suas ordens da maneira que ele julga mais eficaz.

O chefe é excelente em apontar e responsabilizar os outros quando algo não dá certo, mas quando o objetivo é alcançado age como se ele tivesse feito tudo. Os chefes não reconhecem o bom trabalho de um funcionário.

Já o líder é conhecido como motivador de sua equipe, ele inspira as pessoas, trabalha junto com o grupo e procura valorizar as habilidades dos indivíduos, respeitando suas limitações e ajudando a superá-las. Ele não visa apenas os resultados, ele se preocupa com o caminho até alcançar objetivo. Por não apresentar uma postura de centralizador tem a tendência de ser muito respeitado. Para o líder, o funcionário não é apenas mais um, é um integrante da equipe, é alguém de valor.

Os grandes líderes têm iniciativa, capacidade de influência, capacidade de comunicação, e estão à disposição para ajudar quando for preciso. Não a fazer para o outro, mas ensiná-lo e orientá-lo para que aprenda e faça sozinho.

Eles utilizam critérios justos em uma decisão e sempre está focado na solução do problema, e não em apontar quem o causou. Sim, os líderes são objetivos. Não gostam de apontar culpados, preferem buscar a solução do que gerar mais transtornos para equipe e para empresa.

Uma boa liderança traz muitos benefícios para a empresa, os resultados sempre serão melhores quando conduzidos por uma equipe motivada e com os mesmos valores.

Uma nova era exige uma abordagem diferente  

À medida que os tempos mudaram, o papel de um lider também  muda. O líder de hoje está focado em identificar e desenvolver talentos ao trabalhar para criar um ambiente saudável que permita aos indivíduos aplicar seus talentos e habilidades na busca de objetivos-chave.

Criar este ambiente de trabalho eficaz exige que o líder se centre em incutir e reforçar os valores-chave, na modelagem de comportamentos adequados e na instauração de uma sensação de responsabilidade para ajudar equipes e grupos de trabalho a ter sucesso com suas tarefas.

O líder de hoje está no meio da ação, fornecendo suporte e garantindo uma direção adequada ao invés de liderar seu time no alto. Apoiando processos sociais que reforçam o desenvolvimento dos talentos e atuando como exemplos para toda a organização, elevando continuamente os padrões de aprendizado e desempenho.

Quais as 9 Características?

1. Ser um líder atuante

Há muito tempo existe uma distinção entre gestor e líder. O que podemos esperar para os próximos anos é que o gestor assuma posições de um líder dentro da empresa. Um gestor não pode ser alguém colocado em uma posição de poder, simplesmente porque ele traz mais dinheiro ou é melhor em delegar, e sim que estimule sua equipe e traga resultados.

2. Assumir as responsabilidades

O gestor deve assumir de frente sua função e procurar resolver os obstáculos que sua equipe possa encontrar pela frente. Quando um gestor assume a liderança ele abre novos caminhos e permite que os membros de sua equipe alcancem o sucesso.

3. Entender sobre as tecnologias

Os gestores não precisam se tornar especialistas em cada nova tecnologia surge. No entanto, agora que a tecnologia tornou-se uma parte tão crucial de como vivemos e trabalhamos, nunca foi tão importante para os gestores compreender quais as tecnologias tem o potencial de beneficiar a organização.

4. Liderar pelo exemplo

O gestor deve ser a primeira pessoa a demonstrar um bom comportamento para apoiar novas metodologias ou abraçar um novo conceito. Nunca agir pelo impulso e servir sempre de exemplo para sua equipe.

5. Pedir ajuda se necessário

Um bom gestor deve também, reconhecer o momento de pedir ajuda, admitir quando estiver errado ou mesmo quando não sabe de algo. Reconhecer suas vulnerabilidades é o que leva à inovação e desenvolvimento profissional.

6. Acreditar na inteligência coletiva

O gestor deve entender e abraçar o fato de que ele pode não ter todas as respostas ou tomar as melhores decisões. É muito mais eficaz contar com a inteligência coletiva de uma equipe em vez de tomar decisões ruins.

7. Ser um tomador de decisões

Os gestores são muitas vezes creditados com a necessidade de “apagar incêndios”, porém o seu papel deveria ser exatamente o oposto. Os gestores devem ser tomadores de decisões e geradores de novas ideias que possam desafiar os negócios.

8. Saber reconhecer os méritos

Reconhecer o bom trabalho de um funcionário faz parte da tarefa do gestor. Essa é uma ferramenta de gestão que garante a satisfação do profissional deixando-o motivado a gerar maiores resultados.

9. Oferecer feedback

Se reunir com sua equipe periodicamente e oferecer feedback das atividades desempenhadas e do desenvolvimento do profissional dentro da empresa é uma ótima maneira de garantir que os trabalhos continuem alinhados no ritmo de produção.

10. Reconhecer os limites pessoais

Um gestor reconhece que os membros da equipe têm o seu próprio espaço. Isso significa respeitar os limites pessoais de cada um e não ser invasivo quanto a sua privacidade. Um líder deve trabalhar no sentido de suprir as expectativas dos seus colaboradores e respeitar os limites que existem entre chefia e subordinado.

Tornar-se um grande líder não é algo que acontece da noite para o dia, mas pode ser alcançado através de disciplina, trabalho árduo e compromisso de melhoria através das experiências, ou seja, aprender com os erros e acertos.

Grandes líderes não nascem com este dom, como algumas pessoas imaginam. Na verdade, eles são moldados ao longo do tempo. E também não existe uma fórmula mágica para virar um bom líder, apenas regras que podem ajudar.

Para ser um grande líder, a primeira coisa é querer liderar, é querer estar na linha de frente e aguentar os desafios dessa posição. Se você não pensa na sua equipe, não se preocupa com os resultados da sua empresa e não se compromete verdadeiramente com o trabalho, fatalmente, você nunca será um líder, no máximo um chefe.

O que achou do post de hoje? Acredita que seja úteis para se tornar um grande lider ? Então compartilhe o conteúdo em suas redes sociais!

As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Avalie este artigo:
(0)
Tags: administração gestão gestão inovadora liderança