Mais comentada

7 dicas para fazer apresentações de alto impacto

Para muitos gestores, profissionais e técnicos falar em público ainda é algo místico ou um bicho de sete cabeças. Apresentamos 7 dicas úteis que vão torná-lo um apresentador de alto impacto.

iStock

Todos nós sabemos falar, mas quem realmente sabe se comunicar com maestria? A comunicação é uma habilidade gerencial. Todo gestor deve saber se comunicar efetivamente, incluindo nesta dimensão, a capacidade de fazer apresentações. Profissionais e técnicos também são muito demandados atualmente para fazerem apresentações. Porém muitos sentem calafrios só de pensar nisso. Afinal falar em público é considerado uma das experiências humanas que mais gera ansiedade nas pessoas.

Pensando neste desafio, apresentamos 7 dicas úteis que desmistificam a arte de falar em público e sugerem como desenvolver habilidades e técnicas para fazer apresentações de alto impacto. São elas:

1.Conhecer os fundamentos da apresentação

A apresentação em público se baseia nos princípios da teoria da comunicação. Você precisa compreender três elementos que são fundamentais: mensagem, audiência e meio.

Audiência: é importante que sua comunicação seja adaptada ao perfil do público-alvo. Colocar-se no lugar da plateia pode facilitar a elaboração das ideias, abordagens e frases a serem ditas.

Mensagem: se refere ao conteúdo que você deseja transmitir. Tenha clareza de qual é a finalidade do que você quer obter como resultado da sua apresentação, lembrando que sua fala está conduzindo a uma ação ou consequência.

Meio: em termos de apresentação, o meio é o ambiente no qual você se conectará com a audiência – pode ser uma sala de reunião ou webinar. Devemos conhecer o layout e as condições do ambiente antecipadamente pois eles influenciarão na dinâmica da apresentação.

2.Planejar cuidadosamente a apresentação

Toda a apresentação de alto impacto deve ser preparada com antecedência. Uma vez definidos os tópicos do item 1, considere 4 pontos:

- Pergunte-se: Quem será seu público?; O que eles querem ouvir?; O que eu desejo falar?; Onde existe sobreposição ou desvio do foco? Com um roteiro bem detalhado, você manterá o foco durante a apresentação, terá consistência de conteúdo e atingirá seu objetivo.

- Mantenha a atenção da audiência o tempo todo. Existem várias técnicas para isso. Por exemplo, você pode formular frases em forma de perguntas durante a exposição. Ou dar exemplos curiosos e interessantes com frequência. Contar situações engraçadas eventualmente ajudam muito.

- Olhe para o público e dê umas espiadas sutis na sua agenda para manter a mensagem e o controle dentro do tempo

- Procure ser dinâmico e tenha entusiasmo

3. Utilizar recursos audiovisuais e tecnologia

Muitas apresentações, dependendo do tema, requerem imagens, tabelas, diagramas ou gráficos para ilustrarem o que será dito, pois a mensagem pode ter muita complexidade ou ser técnica por natureza. Softwares de apresentação ou vídeos são excelentes aliados nessa hora. Eles ajudam a facilitar (e dinamizar) a apresentação. Por exemplo, você pode incluir uma transmissão ao vivo de outro site, via Skype ou outro recurso, onde um especialista demonstra o uso de um equipamento novo para a plateia.

4. Cultivar o fator impacto

Estilo pessoal, vestimenta e imagem, linguagem corporal, tom de voz, ritmo e velocidade da fala são alguns fatores determinantes do sucesso de uma apresentação de alto impacto. Todo este mix, isto é - você, chamamos de fator impacto.

Assim, é crítico maximizar estes fatores se você quer provocar impacto na audiência, isto é fazer de sua apresentação uma experiência na qual a plateia se lembre de você e, mais importante, da sua mensagem.

Estilo pessoal: Cada um de nós tem o seu jeito de ser. Devemos moldar a apresentação ao nosso estilo, isto é, impregnar o processo da apresentação com nossos pontos fortes e traços positivos da nossa personalidade. Pense em alguns dos seus pontos fortes na comunicação e nos relacionamentos pessoais. O que os outros admiram em você? Utiliza isso para modelar seu estilo de falar em público.

Vista-se de maneira que você se sinta bem e que combine com sua personalidade. Uma vestimenta que seja congruente com seus pontos fortes. Isso lhe fortalecerá a autoconfiança. Quando se gosta da autoimagem e há fluidez, você caminha mais fácil no palco. Lembre-se: a sua imagem é uma identidade pessoal que reflete que você é!
Linguagem corporal: Grandes oradores sabem utilizar seus gestos e expressão corporal, pois eles entendem que mais de 75% do que as audiências captam é por meio da sua percepção visual.

Tom de voz, ritmo e velocidade: há um ditado que diz “O importante não é o que você fala, mas o como você fala”. O tom de voz, o ritmo e a velocidade, incluindo as pontuações e pausas, são essenciais para uma boa comunicação. A cadência na fala é como o ritmo na música. Se você é capaz de dosar a tonalidade da voz conforme a importância das palavras, não ser monocórdio (manter sempre o mesmo tom), nem monótono, cansando a plateia, nem falar sem parar ou ter cacoetes fonéticos, então você pode se tornar um excelente apresentador.

5. Desenvolver o autoconhecimento e autocontrole

Um apresentador de alto impacto investe recursos no seu autodesenvolvimento, pois quanto mais ele se conhece, mais ele se desenvolve e se aperfeiçoa.
Muitos apresentadores experientes sentem dores de barriga antes das apresentações. Como pode? É que apresentações às vezes são estressantes. Imagine falar para mil pessoas em um grande teatro. Como canalizar esse temor passageiro para uma energia positiva que vá impactar a audiência é uma arte que pode ser aprendida.

Antes de chegar no evento, tenha seus 5 minutos de “solidão preparatória”: escolha um cantinho, respire fundo, mentalize, visualize, profira seu mantra – enfim, descubra qual o seu mecanismo de equilíbrio mental. Se possível, faça isso depois de ter certeza de que tudo está perfeito no palco.

Outro aspecto importante é manter o controle emocional durante a apresentação. Algumas vezes, você poderá encontrar alguns participantes difíceis, pessoas que querem desafiá-lo, contestá-lo ou até confrontá-lo agressivamente. Manter a neutralidade e não entrar em polêmicas é essencial para não prejudicar o clima da apresentação.

No Curso de Extensão “Conduzindo Apresentação de Alto Impacto”, ( Saiba mais em: http://up.mackenzie.br/extensao/cursos-de-extensao-2018/comunicacao/conduzindo-apresentacoes-de-alto-impacto-09-e-1606/ ) utilizamos a metodologia de feedback para ajudar os alunos a se conhecerem melhor por meio de apresentações que são filmadas em vídeo. Depois, os alunos vêem o vídeo. Então, os outros colegas e os professores especialistas Luzia Esgolmin, Msc e Fernando Berlezzi, Msc, fornecem uma avaliação apontando os pontos a desenvolver. Mas você também pode fazer isso em casa. Filme-se pelo celular e depois reveja como você se saiu. Você vai se surpreender.

Mantenha sempre uma atitude positiva e otimista. Olhe nos olhos das pessoas, mas não se fixe por mais de 5 segundos. Mantenha seu dinamismo e animação, pois a plateia tende a refletir sua energia. O cérebro das pessoas reagem aos estímulos que recebem. Se você estiver sendo chato, eles se voltarão para o celular.
O timing é muito importante. Controle o tempo, pois ele é o fator mais crítico de uma apresentação.

6. Fale com impacto e paixão

Uma apresentação de alto impacto fica na memória dos participantes. É uma experiência inesquecível. Para isso, impregne sua apresentação de situações impactantes e faça da emoção uma característica pessoal do seu estilo. Por exemplo, uma das coisas que gostamos de utilizar em nossas aulas são trechos de longas metragens cinematográficos, cenas emocionantes que tem uma lição para nos dar. Se você escolher a cena certa, que ilustra a mensagem que você está utilizando dentro do conteúdo da apresentação, as pessoas adoram e o resultado é muito eficaz.

Também utilizamos muito a metodologia de contação de histórias. Storytelling são técnicas engajadoras para tocar o coração da plateia e passar a mensagem de maneira eficaz.

7. Prestar atenção nos detalhes (A regra de ouro)

Pequenos detalhes fazem toda a diferença. Esta é a regra de ouro de uma apresentação de sucesso. Por isso, execute as pequenas ações a seguir que ajudam a provocar impacto. Sempre inicie com um quebra gelo. Sorria. Se estiver tremendo ou com a boca seca, respire fundo, caminhe no palco, faça uma pergunta, controle-se. Sempre interaja facialmente com os participantes. Perceba reações faciais dos participantes: eles estão lhe dando feedback todo o tempo. Não extrapole o tempo (melhor cortar algo). Não sobrecarregue a audiência com números e dados, filtre os essenciais. Antecipe prováveis perguntas no planejamento. Insira frases inspiradoras de líderes - ou especialistas no tema. Certifique-se de mostrar as implicações comerciais de suas descobertas. Ao terminar, desafie a audiência para a ação. Feche com emoção e uma frase de impacto.

Temos certeza que se você adotar estas dicas e começar a praticar (sim, por que a prática é 50% do sucesso), você se tornará um excelente apresentador. Boa sorte!

 

 



As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Avalie este artigo:
(2)
Tags: Carreira Competencias gerenciais Comunicação Gestão & Liderança habilidades gerenciais Liderança tecnicas de apresentação