10 dicas de como otimizar o capital de giro da sua organização

É uma prática comum de grandes empresas consolidar a maior parte de suas encomendas com poucos fornecedores primários, mantendo alguns outros como fontes alternativas

iStock

Ter um capital de giro sólido é essencial para qualquer organização. Aqui vão algumas dicas para ajudar você a otimizar o capital de giro de sua empresa.

1 - Utilize com frequência o relatório de fluxo de caixa. Quanto mais cedo você se preparar para o cumprimento de obrigações a pagar e receber, mais tempo terá para se preparar/aproveitar o capital de giro.

2 - A gestão de caixa deve ser um processo ativo, ligado às melhorias no trabalho. Utilize indicadores de desempenho de capital de giro em todo o negócio, indo até ao nível operacional.

3 - Centralize/consolide o processo de compra para lidar com fornecedores mais estratégicos para poder negociar melhores condições de pagamento (para pagar somente depois que você for pago pelo seu cliente, por exemplo).

4 - É uma prática comum de grandes empresas consolidar a maior parte de suas encomendas com poucos fornecedores primários, mantendo alguns outros como fontes alternativas.

5 - Gerencie seu estoque de forma eficiente. Manter níveis desnecessários de estoque mínimo e máximo pode ser um grande diferencial na gestão de capital de giro de uma empresa.

6 - Cheque regularmente seu estoque, analisando receitas e vendas dos produtos individuais, e decida o que deve ser colocado em estoque ou posto a venda.

7 - Invista em sistemas para automatizar o relatório de desempenho do capital de giro. Em lugar de ficar simplesmente construindo relatórios, utilize melhor seu tempo para avaliar e se aprofundar nas informações, chegando às causas profundas, e procurando resolver rapidamente os problemas.

8 - Gerencie o processo de pagamento de forma mais eficaz. Certificar faturas precisas é uma medida-chave de desempenho para o faturamento de contas a receber.

9 - Reveja periodicamente suas políticas de caixa. As condições de negócios externas e as capacidades de desempenho interno variam muito, o que requer revisão periódica e atualização de políticas fundamentais de condução de caixa e de capital de giro.

10 - Pense além e reavalie o modelo de negócio. O modelo de negócios pode precisar ser avaliado e atualizado, em áreas como: tipo e termos de contrato com o cliente, terceirização de processos de negócio, alienações ou aquisições, reestruturação da cadeia de suprimentos, ou mesmo uma nova parceria ou contratos de joint venture.

Para conhecer mais sobre a Jiva, clique aqui.

Avalie este artigo:
(1)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração