O que é empreendedorismo de palco?

Você sabe o que é empreendedorismo de palco? Sabe quais são suas características? Conheça no texto abaixo essa nova modalidade de empreender e saiba tudo para não cair em armadilhas.

O empreendedorismo chegou para ficar. Um dos temas mais discutidos no mundo moderno, o termo deixou de ser usado exclusivamente por empresários e homens e mulheres de negócios para se popularizar entre as massas. Talvez por esse motivo o empreendedorismo de palco seja cada vez mais comum nos dias de hoje.

Se você costuma frequentar bibliotecas e livrarias, já deve ter notado que o setor dedicado a assuntos como empreendedorismo e negócios está crescendo e se destacando cada vez mais. Contudo, no lugar de obras de conteúdo didático, vemos best-sellers que prometem fórmulas para a prosperidade e/ou ensinar o passo a passo para alcançar o grande sucesso e lições para ter uma visão tão empreendedora quanto Steve Jobs.

Esse é apenas um exemplo que confirma a teoria de muitos estudiosos do assunto: estamos na era do empreendedorismo de palco. Mas isso é bom ou ruim? As opiniões podem divergir, mas um fato é certo: tudo cuidado é pouco – descubra o motivo.

O conceito

empreendedorismo de palco é a forma como são denominadas palestras e outras ações realizadas para difundir o empreendedorismo, utilizando técnicas fortemente motivacionais e muitas vezes baseadas em “clichês” como “lute pelos seus sonhos” ou “tudo é possível se você acreditar”. E, embora esses não sejam conselhos ruins, são frases bastante desgastadas e que muitas vezes não condizem com a realidade e os desafios que é empreender.

Essa modalidade acaba atraindo um grande público, em grande parte pessoas que ainda não tiveram uma experiência mais profunda com o empreendedorismo e que acabam se encantando com as possibilidades apresentadas. Além das palestras, livros e cursos também são vendidos como uma “fórmula mágica” para o sucesso empreendedor, prometendo apresentar caminhos fáceis e resolver prontamente os problemas dos consumidores.

O problema é que, na maioria das vezes, como se pode imaginar, as coisas se mostram muito mais complexas do que as palestras e livros apontam e o futuro empreendedor acaba não encontrando as soluções infalíveis que procurava: muitas vezes acreditando que, ao se ler mais livros, fizer mais cursos e assistir mais palestras, sua situação irá mudar – acabando em um ciclo vicioso.

A maior crítica ao empreendedorismo de palco é que os conselhos motivacionais e os clichês que apelam para a emoção acabam fazendo com que pessoas inexperientes tenham uma visão equivocada sobre empreendedorismo, entrem no mercado sem nenhum preparo e acabem se tornando números nas estatísticas de falência, o que é muito frustrante e também prejudicial para o cenário empreendedor.

Embora exista uma importância reconhecida no fator motivacional para iniciar qualquer jornada empreendedora, não é saudável que as pessoas façam planos baseados em ilusões e sem noções reais das dificuldades e dos obstáculos que precisam ser superados antes de se alcançar qualquer tipo de sucesso ou reconhecimento.

Outro ponto que tornou o empreendedorismo de palco mal visto por muitos empreendedores experientes é o fato de que muitos palestrantes e autores de livros e cursos desse gênero não possuem uma jornada sólida no mundo do empreendedorismo, o que acaba fragilizando a credibilidade desses profissionais e colocando em dúvida se suas dicas e seus conselhos possuem real embasamento.

Características do empreendedorismo de palco

  • Palcos bem iluminados, auditórios muitas vezes luxuosos e luzes atraentes, além de trilha sonora envolvente e abuso de slides chamativos e bem estruturados – tudo para criar um ambiente propício para que as mensagens de motivação possam atingir os espectadores com o impacto desejado.
  • empreendedorismo de palco usa e abusa de frases motivacionais e apela para a emoção em seus discursos. Esse tipo de palestra muitas vezes é criticado quanto ao conteúdo, que em muitos casos carece de informações racionais e lógicas (como estatísticas e explicações teóricas), as quais poderiam agregar valor real ao público.
  • O guru ou palestrante normalmente é uma pessoa extremamente carismática, com boa aparência e excelente oratória, capaz de cativar a plateia e passar muita segurança em seu discurso. O palestrante geralmente conta sua história de sucesso no mundo dos negócios, permitindo que o público se identifique com ele, mas raramente menciona as grandes dificuldades e os riscos que o caminho do empreendedorismo inclui.
  • Um dos objetivos do empreendedorismo de palco é vender livros, palestras e documentários para auxiliar futuros empreendedores. O problema é quando esse material se limita à autoajuda e oferece pouco ou nenhum conhecimento prático que possa fazer uma real diferença nos negócios.

Viu só? O empreendedorismo de palco pode distorcer totalmente sua visão de negócio – mas só se você permitir. É possível conhecer e absorver dicas úteis desse tipo de modalidade, mas ela jamais deve ser sua única fonte de inspiração.

Gosta dos nossos conteúdos? 

Pronto! Agora que você está dominando o assunto, nós vamos disponibilizar para você 15 dias grátis de Backup na nuvem.

Aproveite!

http://materiais.allanisnetworks.com/allanis-backup

Avalie este artigo:
(2)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: Empreendedorismo de palco novidades de empreendedorismo o que é empreendedorismo de palco

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração