Mais comentada

O poder do Vídeo Marketing em 2017

Com a crescente demanda de vídeos no Facebook, as outras redes sociais estão sendo obrigadas a dar prioridade para esse conteúdo para não ficarem atrás. O vídeo tem ganhado mais força e está se tornando uma tendência

Se você ainda tem alguma dúvida sobre a importância do Vídeo Marketing e o seu poder, Mark Zuckerberg confirmou o que já adiantamos para você. Durante um encontro com um investidor em 2016 ele entregou a prioridade do Facebook: “ Vemos um mundo em que o vídeo vem primeiro, com o vídeo no centro de todos nossos aplicativos e serviços”

Em 2014 o Facebook alterou seu algoritmo do feed de notícias, dando preferência ao conteúdo com vídeo. Uma prova dos resultados dessa mudança está no viral Ice Cube Challenge. Desafio em que as pessoas viravam um balde com gelo na cabeça. Com isso o Facebook intensificou seus investimentos no player de vídeo, os anúncios em vídeos ganharam destaque. Além do recurso de transmitir vídeos ao vivo (Live). O que podemos ver acontecendo nesse momento é o Facebook criando meios de compartilhar os vídeos para todas as suas plataformas, Instagram, WhatsApp, entre outros.

O Poder do Vídeo Marketing em 2017 com você

Com a crescente demanda de vídeos no Facebook, as outras redes sociais estão sendo obrigadas a dar prioridade para esse conteúdo para não ficarem atrás. O vídeo tem ganhado mais força e está se tornando uma tendência.

A boa notícia é que não importa qual plataforma você escolha, o mundo todo está assistindo vídeos online. Os dados mais recentes do YouTube apontam crescimento em todas as faixas etárias. Não apenas os cobiçados Millenials, a faixa etária que mais cresce no Youtube é de 55 anos ou mais.

Não é apenas a Nice Films que acredita nessa tendência. A Ogilvy fez um vídeo das principais tendências para 2017, eles dizem: “Não contar com o suporte do vídeo e/ou ter uma estratégia ligada ao vídeo e/ou que complementa sua comunicação seria uma tarefa em vão”.

Vai além...

O Vídeo é a melhor forma de se comunicar com as pessoas, nossos cérebros processam 60.000 vezes mais rápido do que quando lemos um texto. Dessa forma se torna muito mais fácil as pessoas absorverem sua mensagem, além do cérebro armazenar essa informação por um período maior.

Todos os dias, seus clientes em potencial são inundados por mensagens de marketing. Atualmente por uma média de 5.000 a 10.000 mensagens diárias, mas apenas em média 100 delas tem efeito sobre o indivíduo. Por isso os donos de empresas precisam fazer tudo ao seu alcance para tornar sua mensagem atraente e objetiva, dessa forma será fácil para entender.

É uma tendência mundial...

Em uma recente pesquisa da Wyzowl, foi identificado que 82% das empresas que utilizam vídeo acreditam que é uma parte importante de sua estratégia de vídeo. 81% avaliam que o vídeo ajudou a aumentar as vendas, enquanto 99% das empresas vão continuar a utilizar vídeos em 2017.

Quando olhamos marcas como a Red Bull, podemos acabar nos sentindo superados diante da quantidade de conteúdo que elas produzem, mas marcas assim servem como inspiração.

Podemos afirmar que o Vídeo marketing é algo relativamente novo. A mesma pesquisa da Wyzowl aponta que apenas 62% das empresas disseram ter um vídeo explicativo. Não devemos focar em grandes marcas que possuem grandes orçamentos e uma equipe maior. Devemos encontrar os concorrentes diretos, trabalhar em cima disso definindo metas palpáveis.

Sua estratégia

Uma dica é sempre iniciar sua estratégia de vídeo marketing com um vídeo explicativo. Primeiro porque você vai poder utiliza-lo em múltiplas plataformas. A Wyzowl aponta que 97% das empresas disseram que o seu Vídeo Explicativo ajudou a aumentar a compreensão do usuário sobre o seu produto ou serviço. Você pode utilizar esse vídeo na página inicial do seu site. Através de anúncios no Facebook, em campanhas de e-mail marketing, publicar no YouTube ou adapta-lo para o Instagram e/ou Twitter.

Sempre se lembre que não importa o formato e a linguagem utilizada. Você deve manter a duração de no máximo 2 minutos, o ideal é até 1 minuto. A Wyzowl nos mostra, 50% dos consumidores acreditam que 1 minuto de vídeo é o comprimento ideal para um vídeo. Outros 33% optaram por durações de 1 a 2 minutos e outros 17% por durações menores de 1 minuto. A Wistia confirma, o envolvimento do público não difere entre um vídeo de 45 segundos ou de 2 minutos.

Identificar os atuais obstáculos para seu negócio vai te preparar para produzir seu próximo vídeo.

O departamento de vendas da sua empresa tem dificuldade em descrever os recursos de um produto? É um desafio encontrar novos clientes para seu produto? Muitas chamadas de suporte em comum? São exemplos reais de empresas estão utilizando vídeo para aumentar a receita e o engajamento do cliente.

Não importa o que você faça, nem o seu nicho de mercado, não deixe de utilizar o vídeo! Seu público alvo está assistindo vídeo em todos os lugares, sites, redes sociais, anúncios.

Por um lado não podemos acreditar em qualquer notícia compartilhada no Facebook. Mark Zuckerberg nos adiantou que nosso mundo online está se transformando em uma grande plataforma para comunicação em vídeo.

É hora de aproveitar o crescimento do vídeo e ficar à frente dos demais!

Avalie este artigo:
(0)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.
Tags: crescimento empreendedorismo facebook internet marketing marketing digital produzir video redes sociais vendas video institucional Vídeo marketing

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração