6 maneiras de conquistar um cliente sem empurrar seus produtos

Uma loja que oferece algum tipo de conteúdo extra aos seus clientes tem muito mais a ganhar do que aquelas que investem somente na propaganda das mercadorias

iStock

Um dia desses, Luísa recebeu um e-mail da loja virtual Clube do Lar. Apesar de não conhecer a empresa, abriu a mensagem. A oferta do ar-condicionado apresentada no assunto lhe chamou a atenção.

Ao abrir, ela até esqueceu do ar-condicionado, pois algo despertou ainda mais seu interesse: uma receita de capuccino gelado! Com o calor que estava fazendo, um ar era bom, mas uma bebida gelada era melhor ainda.

Ao clicar na figura do drink, ela foi redirecionada para o blog da loja. Ali, além de receitas, tem também outras dicas legais para o dia a dia de uma mulher moderna.

A loja, que até então era desconhecida por Luísa, entrou para a sua lista de favoritos. Periodicamente, a moça visita o site para ler os novos textos e, algumas vezes, acaba comprando alguma coisinha.

Conclusão: uma loja que oferece algum tipo de conteúdo extra aos seus clientes tem muito mais a ganhar do que aquelas que investem somente na propaganda das mercadorias.

Veja algumas ideias de coisas que podem atrair visitantes ao seu site, e por que não, futuros clientes? Depois de fisgá-los, convertê-los só depende de você!

Produção de vídeos

Não é preciso ser um diretor de Hollywood para produzir um vídeo bacana. Você pode entrevistar alguém interessante do ramo ou ensinar algo relacionado aos produtos. Por exemplo, uma loja que vende produtos naturais, pode gravar um vídeo mostrando algumas curiosidades da flora brasileira.

As gravações podem humanizar a loja e imprimir uma personalidade à marca. Capriche na edição e lembre-se: quanto mais dinâmico, mais legal o vídeo.

Podcasts

Não gostou da ideia de imagens, ou acha que não tem conteúdo que seja atraente visualmente? Nesse caso, o podcast é uma boa pedida.

Você pode gravar arquivos de áudio, tipo um programinha de rádio, e disponibilizá-los na internet. Com eles também é possível fazer entrevistas, comentar notícias relacionadas a seus produtos, apresentar novidades e dicas pertinentes ao mundo do seu público-alvo.

Blog

O canal é um dos favoritos das lojas. Não é para menos, o ambiente é ideal para bater um papo descontraído com os clientes e possíveis compradores.

Dá para comentar notícias, apresentar dicas e publicar novidades da loja e de outros assuntos de interesse do consumidor. Além disso, é possível publicar no blog seus vídeos e podcasts.

Mas não basta só criar a página, é preciso mantê-la sempre atualizada. Sem postagens frequentes o endereço, assim como a marca, parecem estar abandonados.

E-books

E-books são livros digitais que podem ser baixados pelo internauta mediante pagamento ou não. O mais interessante para uma loja é que o material seja gratuito.

A ideia é que as páginas falem sobre algum assunto que você domina e que seja de interesse do seu cliente. Não faça deste livro um catálogo de propaganda, senão a ação perde todo o sentido.

Por exemplo, se sua loja vende produtos para bebês, escreva um guia para ajudar as mães a cuidar da saúde da criança nos primeiros meses de vida.

Essa estratégia serve também para captar e-mails para sua base de contatos. Não se esqueça, então, de pedir alguns dados para que o download seja liberado. E, claro, não sempre peça permissão para o envio posterior de mensagens.

Presença relevante nas Redes Sociais

Você já sabe que estes canais são importantes para se relacionar com o cliente e divulgar seus produtos, certo? Mas saiba que também é interessante publicar conteúdo útil nestas mídias.

Por exemplo, se o seu nicho de atuação tiver a ver com casa e decoração, você pode trazer dicas de enfeites recicláveis, com foto e passo a passo. Se o seu público é ligado em saúde, por exemplo, traga receitas naturais ou dicas de exercícios e bem-estar.

Newsletters

Sua newsletter não só pode como deve ser muito mais do que um compilado de promoções. Voltando ao exemplo do início do texto, a Clube do Lar alterna os produtos com os conteúdos produzidos no blog.

Outra estratégia interessante é “contar” o menos possível nestas mensagens. Crie e-mails que agucem a curiosidade do leitor e que incentive que ele vá até o site para descobrir o restante.

Você pode ainda usar ganchos da atualidade na sua mensagem eletrônica. Trazer personagens de novela ou filme, ou a notícia mais comentada da semana, para introduzir a sua mensagem pode ser uma maneira de atrair a leitura.

Você já testou alguma destas estratégias? Conte para mim como foi!

Avalie este artigo:
(3)
As opiniões veiculadas nos artigos de colunistas e membros não refletem necessariamente a opinião do Administradores.com.br.

Fique informado

Receba gratuitamente notícias sobre Administração