Invista em seu time: 4 razões para acreditar no treinamento e capacitação dos seus funcionários

Hoje, as pessoas fazem parte do ativo das companhias e o investimento em treiná-las e desenvolvê-las é cada vez mais estratégico

Valmir Colodrão, Administradores.com,
istock

Em tempos que a tecnologia ganha cada vez mais espaço em nossas rotinas, um profissional preparado e qualificado faz a diferença em qualquer equipe. Sempre tenho em mente que independente do mercado de atuação ou da tarefa realizada no final somos um grupo de pessoas que atende, fornece e cria para o benefício de outras pessoas. E já que as ferramentas e soluções usadas estão se aprimorando constantemente, é preciso que os profissionais façam o mesmo.

No Brasil houve um crescimento de 21% no orçamento das empresas que foi destinado ao treinamento e desenvolvimento no último ano, segundo pesquisa da Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD). Em um momento de recuperação da economia, faz sentido que as companhias busquem fortalecer seus times para evitar custos com novas contratações e desfalques na equipe. Separei quatro motivos que evidenciam que essa estratégia vale a pena em qualquer situação, veja!

1. Redução de custos

Todo gestor pensa em como fazer seu orçamento render e quais as melhores escolhas levando em conta o custo-benefício. Profissionais bem treinados utilizam de maneira mais efetiva os recursos disponibilizados pela empresa, que ganha mais dinamismo e otimização do tempo, além de economizar com gastos derivados de falhas operacionais e mau uso de ferramentas.

2. Redução da taxa de rotatividade

O raciocínio é simples: um funcionário competente, desenvolvido e que consegue aproveitar as ferramentas que estão ao seu dispor, na maioria das vezes conseguirá desempenhar seu papel e obter êxito na companhia. A satisfação com seu trabalho e o sentimento de valorização, junto com os bons resultados alcançados, fará com que o colaborador não se sinta atraído por outras organizações, e sua empresa atual dificilmente escolherá por demiti-lo.

3. Aumento na produtividade

Habilidade e rapidez na decisão é uma das principais habilidades para se ter no mundo de hoje, em que os cenários mudam constantemente. Seja em tarefas operacionais ou estratégia, e em qualquer nível hierárquico, quem está treinado é capaz de produzir mais e melhor. Com métodos bem definidos e profissionais instruídos para executá-los corretamente, os processos se tornam mais ágeis e os resultados certamente serão maiores.

4. Acompanhamento de tendências

Vivemos em um mundo conectado que em poucos minutos pode sofrer grandes mudanças que afetam diretamente o andamento das corporações. Para sair a frente dos concorrentes é preciso estar atento às movimentações e novas tendências. Além disso, é fundamental contar com uma equipe que as conheça e estar preparado para lidar com as transformações que elas ocasionam, pois isso pode ser um diferencial competitivo para a empresa.

Hoje, as pessoas fazem parte do ativo das companhias e o investimento em treiná-las e desenvolvê-las é cada vez mais estratégico. Com maior qualidade nos serviços prestados, redução de retrabalho e melhor comunicação com a liderança, o retorno pode ser mais rápido do que esperado.

*Valmir Colodrão é diretor e sócio-fundador da BgmRodotec, empresa do segmento de software de gestão para empresas de transporte.